Melhores Provas (Tochas Bônus) - Olimpíadas GP 2009

Está para começar as novas Olimpíadas do Fórum Grimmauld Place... Participe!

Moderators: Victor, Equipe - Gemialidades Weasley

Locked
User avatar
Nekoju
Conjurando o Patrono
Conjurando o Patrono
Posts: 748
Joined: 05/03/05, 10:22
Sexo: Masculino
Estado: RJ

Melhores Provas (Tochas Bônus) - Olimpíadas GP 2009

Post by Nekoju »

1a semana


Corvinal:

[MÉDIO] Dissertem, no mínimo dois paragrafos, sobre o fato de Sméagol ser na verdade o pai de Dobby.
User: Elassea
Spoiler
Para começar, você já escutou um elfo domestico dizendo ao seu senhor
“Amo, espere um momento que eu vou passar o domingo na casa da minha
mãe” ou “Amo, será que poderia me dar uma folga hoje a noite para eu
sair com a elfinha daquele grande bruxo que o senhor recebe em vossa
residência?”?. Claro que não. Já pararam para se pergutnar como eles
se reproduzem ou simplesmente se eles brotam da terra? Sim meus caros,
eles brotam da terra! Não estão acreditando na minha pessoa? Pois eu
vou provar.

Há muito, mas muito tempo atrás, não sei se vocês se lembram, tinha um
hobbit que cruzou a Terra Média inteira pra destruir um certo anel e
na hora H ele desistiu da idéia e queria o anel pra ele próprio. Aí,
um outro hobbit, anoréxico e bipolar, com duas personalidades
conhecidas por Gollum e Smeagol, que também desejava o anel , cortou
o dedo do primeiro hobbit com anel e tudo, mas caiu nas profundezas da
Montanha da Perdição, de onde o UM anel jamais deveria ter saído. Tá,
aí a montanha explodiu, vieram salvar o hobbit metido a herói e tudo
acabou bem. Acabou bem? E o que aconteceu com o pobre Gollum, o
verdadeiro herói da história? Aconteceu que ele virou churrasquinho
nas lavas da montanha da perdição, mas morreu junto com seu precioso,
e a lava tomou conta de um bom pedaço de Mordor. Anos e mais anos se
passaram, o solo se tornou aparentemente normal, os elfos foram para o
Oeste aproveitar a sua imortalidade por aquelas bandas, os anos
começaram a enfeitar jardins, e os humanos começaram a criar máquinas
de fazer contas.

Um belo dia ensolarado, o solo onde antes se localizava a Montanha da
Perdição começou a apresentar rachaduras que evoluíram para pequenas
crateras que cresciam rapidamente. Dessas crateras, brotaram pequenos
seres, que lembravam o velho Smeagol, mas eram menores e com algumas
particularidades. Eles começaram a caminhar desnorteados, felizes com
a luz do sol e com as pequenas coisas da vida, maravilhados com a
beleza de tudo. E assim seguiram, até que um humano, conhecido em seu
meio como bruxo, encontrou um deles que estava ingenuamente curioso
com um moedor de grãos. O bruxo o ensinou como aquilo funcionava e o
pequeno ficou-lhe eternamente grato, e prometeu seus serviços eternos.
O bruxo ficou fascinado com a espontaneidade da criaturinha e tratou
de espalhar para seus contatos no mundo bruxo. Como não sabia como se
referir a ele, chamou-o de “elfo” por causa das orelhas pontudas e
“domésticos” pelas tarefas desempenhadas pelo mesmo.

Ah se os belos elfos de Valinor vissem como os humanos se lembravam
deles....

Desse modo, todo mundo queria ter um “elfo domestico”, e, não sei
muito bem como, eles se submeteram a escravidão que se encontram até
os dias atuais. Desse modo, é seguro afirmar que todos os elfos
existentes se originaram do solo onde Smeagol tombou junto com o Um
anel, tornando- o pai de toda uma horda de criaturinhas exploradas
pelos bruxos, até mesmo os que tiveram contato com o garoto Potter,
como por exemplo, o pequeno Dobby.



Grifinória:

[MÉDIO] Desenvolvam uma tese explicando como é possível um gato flutuar.
User: Serena Moon
Spoiler
É POSSÍVEL UM GATO FLUTUAR?
Tese escrita por Serena Moon

1.Introdução

Os gatos são seres extremamente inteligentes, com habilidades únicas jamais imitadas por outros mamíferos; um bom exemplo é a arte peculiar de flutuar. Desde seus ancestrais os felinos foram desenvolvendo o seu corpo até estarem aptos a realizarem essa particularidade. As espécies Felis catus e a subespécie F. catus quartzus conseguem esse feito, devido a fatores como tamanho, peso e quantidade de pão com manteiga ingerida. A pesquisa será feita com um representante da subespécie em questão, atestando a veracidade da afirmação: “Os gatos podem flutuar”, além de entendermos como se desenvolveram a tal ponto de serem aptos a realizar essa atividade, sendo esse o objetivo geral da abordagem científica e definido-se como objetivos específicos:
• Investigação das fontes de informação histórica sobre a classe dos felinos;
• Quais o fatores que favorecem e/ou influenciam a prática de flutuar;
• Quais espécies são mais aptas e menos aptas;
• A relação entre a alimentação e a arte de flutuar dos gatos;
• Qual teoria física consegue melhor explicar esse fenômeno;

2.Método de Pesquisa

A pesquisa será de caráter descritivo e qualitativo, buscando retratar os processos pelos quais os gatos domésticos são capazes de flutuar, por meio das fontes de informação históricas como pesquisas em livros e documentos que revelam a evolução dos felinos, os mitos e crenças envolvidos na sua figura e a importância para povos da Antiguidade, tudo isso afim de entendermos como os gatos adquiriram a capacidade de flutuar. Além de comprovar a atuação da Lei da Gravitação Universal no processo por meio do método de observação de um caso com a espécie F. catus quartzus.

3. Desenvolvimento

Historicamente os paleontólogos dizem que a espécie denominada Dinictis, evoluiu em dois seguimentos: uma delas originou os grandes felinos pré-históricos, com dentes-de-sabre, extintos ainda na pré-história, muito pesados e não ingeriam pão com manteiga, afinal esse só foi desenvolvido séculos mais tarde. Por isso esse seguimento nunca foi capaz de flutuar. A outra engloba a família Felídea, da qual pertencem todos os felinos selvagens e, consequentemente, o gato doméstico, que tem em média entre 5,5 a 9 kg de peso e 55 cm de tamanho.

Na natureza, cada espécie sofre mutações ocasionais, (que podem levar centenas de milhares de anos), para que se adaptem às mais diferentes condições ambientais, dentro de cada época de sua existência e de suas necessidades para a sobrevivência. Antes, os felinos precisavam desenvolver sua velocidade para conseguir capturar sua presa, hoje, com o avanço da tecnologia e o mundo moderno se tornando cada vez mais prático os gatos não precisam “gastar a sola de suas patas” atrás do alimento, simplesmente flutuam até ele, isso só é possível pela grande ingestão de pão com manteiga, um dos alimentos preferidos dos gatos domésticos.

Essa preferência por pão com manteiga começou no Antigo Egito onde os gatos eram idolatrados como deuses acreditando que esses tinham o poder de proteger as casas e os filhos, além de ser o símbolo do amor fraternal. Essa crença se baseou na figura de Bastet, deusa gata de Bubastis (cidade do Delta do Nilo). Nessa época também o pão era tão valioso que servia como salário, ou seja, camponeses ganhavam três pães com manteiga (obs: na realidade são era exatamente igual à manteiga dos dias atuais, mas o alimento era uma pasta, constituída de quase todos os materiais das manteigas atuais) por dia de trabalho. Por isso, como o alimento era tão precioso e os gatos mereciam tudo o que havia de mais valioso por representarem uma figura tão respeitada, os orgulhosos donos recompensavam-nos com generosas fatias de pão com manteiga, o que os levou a acostumar com o alimento e hoje ser o mais preferido entre eles.

Segundo a lei de Murphy, o famoso cientista que estudava a tolerância humana a altas acelerações, o pão sempre cai com o lado da manteiga virado para baixo, isso na realidade se dá porque ele tende a girar e a responsável por esse giro é uma “força” chamada Torque Gravitacional. Normalmente, os pães caem da mesa, onde os humanos costumam comê-los; como a distância entre a mesa e o chão é muito pequena, quando o pão cai, geralmente, não tem altura suficiente para fazer uma volta completa em torno do seu eixo. Logo é por isso que o lado da manteiga sempre cai no chão.

É uma diversão imensa para os gatos domésticos subirem em lugares mais altos, fazendo-os lembrar do instinto selvagem adormecido, porém passam a maior parte do tempo em lugares baixos como mesas, camas e sofás. Logo, como esses animais têm o costume de se alimentar de pão com manteiga, este quando ingerido tem uma tendência a se acumular na parte superior do estômago do animal (com a manteiga para baixo). Quando o felino em questão pula desses lugares mais baixos, consegue por meio da força “torque gravitacional” flutuar. Todas as espécies Felis catus, que são os chamados gatos domésticos, possuem a grande probabilidade de realizar esse feito (pois possuem uma substância na parede inferior do estômago que repele as moléculas dos componentes da manteiga), porém a subespécie F. catus quartzus, o gato Quartzo, que foi submetido ao estudo do caso, apresentou uma maior pré-disposição, pois é assumidamente viciado em pão com manteiga (o vício provocou uma mutação na parede estomacal inferior do gato, que fez com que esta produzisse uma maior quantidade da tal substância “repelente de manteiga”).

No anexo está um vídeo gravado, que comprova a possibilidade de os gatos flutuarem. Isso só é possível através de fatores como peso, massa e tamanho do animal e principalmente ingestão de pão com manteiga. No caso do gato Quartzo é comprovada a rotina da levitação por conta do vício do mesmo pelo alimento.

4. Conclusão

Pode-se notar através de todas as hipóteses e justificativas baseadas em livros, documentos, entrevistas e observação de caso que os gatos (a maioria) realmente podem desenvolver a capacidade de flutuar. São mais aptos a esse feito os gatos domésticos por conta de seu habitat mais prático no mundo moderno (o qual não os estimula a desenvolver seus instintos como caçar e correr e sim a se acostumarem a uma vida fácil e cheia de mimos).

5.Anexo:

http://www.youtube.com/watch?v=XGFkU4zul4A


[MÉDIO] Dissertem, no mínimo dois paragrafos, sobre o fato de Sméagol ser na verdade o pai de Dobby.
User: Morena Cor~de~Veela
Spoiler
Existem muitos mistérios na Saga de Harry Potter mas, nenhum é tão surpreendente quanto à origem de Dobby, o elfo doméstico. A autora da série, J.K. Rowling jamas confirmou a suspeita de milhares de fãs de que o pequeno elfo é, na verdade, filho de Sméagol, da série O Senhor dos Anéis, de Tolkien. Várias semelhanças entre os personagens nos permitem afirmar que existe uma história oculta sobre a origem de Dobby. Após vasta pesquisa, conseguimos montar as peças deste incrível quebra-cabeça.

Não há, na cultura élfica, a prática do registro de seus filhos quando nascem, contudo, é possível afirmar que a mãe de Dobby era uma elfa por conta de sua herança mágica. Desconfia-se que esta elfa em particular tenha sido embevecida pelo poder do Um Anel e tomada pelo Gollum, o lado obscuro de Sméagol. Ao dar a luz, deparou-se com um ser distoante da beleza élfica: pele acizendada, olhos esbugalhados e pouco cabelo, exatamente como o pai. Para os padrões a que seu mundo estava acostumado, pode-se afirmar que Dobby parecia a miscigenação de um ser das trevas com um pequeno e estranho humanóide. Muitos estudiosos da vida de Dobby acreditam ter sido o fator da aparência externa o estopim para a quebra do feitiço do encanto do Um Anel.

Para os membros da cultura popular, não existe divergências quanto ao fato de Sméagol ser, na verdade, o pai de Dobby. Apesar de certa feita ter sido um hobbit, ele foi sucumbido pelo poder das trevas do Um Anel, tendo sua alma carcomida até sobrar apenas o Gollum. Dobby, rejeitado por sua mãe e abandonado a um canto qualquer, sequer foi notado pelo pai. Relatos do comportamento estranho do elfo-doméstico nos levam a crer que ele se alimentava de pequenos insetos e animais durante essa fase. Possivelmente, seu pai Sméagol só deve tê-lo notado a partir dos primeiros movimentos, pois aquela pequena coisa poderia desenvolver artimanhas para roubar seu precioso. Acredita-se que foi a partir dai que Sméagol tenha começado uma estranha relação de pai e filho com aquilo que ele se acostumou a chamar de Bobo Dobby.

Estudos de grandes filósofos como Platão, em seu clássico Mito da Caverna, corroboram a idéia de um ser criado entre as limitações de paredes de pedra, desconhecendo o mundo exterior e tendo seu olhar direcionado para a sua própria sombra e do pai, toma para si o pressuposto de que este é o seu mundo e só. Por isso, abandonado pela mãe e tendo apenas um pai com transtorno bipolar e dupla personalidade como referência, Dobby aprendeu desde cedo a eficiência da servidão.

Ainda criança, Dobby observava os surtos delirantes de seu pai onde ele acreditava estar agindo contra os desejos do seu mestre, o Um Anel. Estes ataques de súbita delirância foram gravados e divulgados ao mundo como fonte de estudo pelo Sr Peter Jackson. Sméagol costumava arrancar seus cabelos, guinchar coisas incompreensíveis e se batia com pedras ou qualquer coisa que pudesse segurar até se cansar. Foi dessa forma que Dobby, preso aos grilhões da caverna, interiorizou que essa era a punição justa para aqueles que traíam os seus senhores e, em pouco tempo, já não tinha nenhum fio de cabelo. Além disso, pode-se afirmar que a estranha característica de elfo doméstico de referir a si mesmo na terceira pessoa tenha surgido dos incessantes monólogos do pai com sua dupla personalidade: Gollum e Sméagol.

Pressupõe-se que Smeagol não foi um pai ausente, sequer presente. Sua obsessão por seu precioso, que era tipo como seu mestre e senhor tomava todo o seu tempo e Dobby logo aprendeu a dura lição de se recolher a sua insignificância. Esses fatos são importantes quando se analisa a dificuldade e Dobby em desenvolver novas amizades e na sua clara e expressiva falta de auto-estima. Acredita-se que, nas tentativas se aproximar do pai Smeagol o tenha afastado de forma violenta, já que seu histórico agressivo-obsessivo pode ser observado nas tentativas de usurpação de seu precioso. A excassez de comida e falta de luz solar logo aproximaram visualmente as características de pai e filho.

Nas poucas vezes que Smeagol notou a presença do invisível elfo, obrigava-o a limpar o chão da caverna e providenciar comida. Desta costumeira tarefa surgiu a predileção de Dobby em exercer trabalhos domésticos, sem reclamar. Quando seu pai descobriu suas habilidades mágicas, tratou de aproveitar-se dele e fazer magias de proteção para o seu precioso. Contudo, de acordo com o histórico de tentativas confusas de proteção do elfo, Dobby acabava exagerando, o que lhe garantia uma boa saraivada de humilhações: era comum seu pai arrastá-lo pelas orelhas ou pelo nariz, para que ele sempre andasse com os olhos pregados no chão, longe da possibilidade de usurpar o seu precioso. Acredita-se que foi assim que o elfo aprendeu a ouvir e se calar. Os estudiosos desconfiam que tenha sido Dobby a causa da perda do Um Anel de Sméagol e seu surto psicótico mais intenso.

Quando Smeagol encontrou um novo senhor, o novo dono do Um Anel, abandonou o elfo. Foi nesse momento, enquanto se manteve perdido na escuridão da caverna, que a pequenina chama aventureira dos elfos da floresta acendeu em seu confuso coração. Sem o pai, Dobby começou a acreditar que os grilões de ferro que o mantinha preso ali já não eram empecilhos para que sua mente acreditasse que existia um outro mundo. Assim como o prisioneiro-homem do mito de Platão, Dobby se atirou no mundo, em busca do primeiro mestre que encontrasse. Pesquisas indicam, contudo que ele foi trancafiado por bruxos numa jaula e vendido na Travessa do Tranco como objeto doméstico. Dobby nunca reclamou de seu destino, pois, assim como seu pai, só sabia viver para seu mestre a quem, no íntimo, considerava seu precioso. Mas seu espírito não era mais enclausurado como antes.



Sonserina:


[FÁCIL] Foto de uma máscara elaborada e enfeitada por algum usuário da casa, que interligue os temas "prevenção à gripe suína" e "Harry Potter".
User: Erikitxa
Spoiler
http://i434.photobucket.com/albums/qq69/erikitxa/DSCF1810.jpg


[MÉDIO] Dissertem, no mínimo dois paragrafos, sobre o fato de Sméagol ser na verdade o pai de Dobby.
User: Adriana Snape
Spoiler
http://i534.photobucket.com/albums/ee344/aserpente/olimpiadas/dobby.jpg


Total Bônus:
Corvinal: 10 tochas
Grifinória: 20 tochas
Lufa-Lufa: 00 tochas
Sonserina: 15 tochas
Shhhh
User avatar
Nekoju
Conjurando o Patrono
Conjurando o Patrono
Posts: 748
Joined: 05/03/05, 10:22
Sexo: Masculino
Estado: RJ

Re: Melhores Provas (Tochas Bônus) - Olimpíadas GP 2009

Post by Nekoju »

2a semana


Corvinal:

[IMPOSSÍVEL] Faça abertura d'Os Normais como no video a seguir somente com fotos de usuários da casa e animais.
Vídeo: http://www.youtube.com/watch?v=TrGnfbDbOsE
User: Langel Lovegood, com contribuições de Lilian e Ohanny
Spoiler
http://www.4shared.com/file/123864204/58cb595e/OC_online.html


Grifinória:

[MÉDIO] Faça um artigo em que você prove, com bons argumentos, que a série Twilight é melhor que a série Harry Potter.
User: .Helena TRCCWP. e Morena Cor~de~Veela
Spoiler
Uma nova história de sucesso



Desde que a série Harry Potter foi lançada, os fãs da literatura se perguntam que outra saga poderia superar J.K. Rowling. Não demorou para surgir uma adversária à altura que, recentemente, bateu o recorde do livro do bruxinho, ficando mais tempo no topo da lista de bestsellers do USA Today: a série Twilight. Verdade seja dita: existem diversos argumentos que levam leitores de todo o mundo a crer que Stephenie Meyer fez um trabalho muito melhor.

Existe um diferencial logo no início que muda totalmente a forma de o leitor se posicionar em relação ao livro. Twilight é escrito na 1ª pessoa do singular, através dos olhos de Bella Swan principalmente, o que coloca a pessoa que lê íntima ao personagem. Enquanto em Harry Potter você observa a cena, em Twilight você faz a cena. As descrições das interações e dos lugares são feitas a partir de um apenas um ângulo e, acredita-se que é por isso que as pessoas se apaixonam facilmente por Edward Cullen e Jacob Black e aceitam facilmente a coexistência de vampiros, lobos e humanos.

Dessa forma, é possível observar que Meyer fez um grande favor em prol da reputação dos vampiros e lobisomens, pois ela conseguiu humanizá-los de tal forma que o sangue e a imoralidade deram lugar ao realismo dos sentimentos e a tolerância nas relações interpessoais. Colocar personagens tipicamente fantasiosos em situações humanas faz com que eles pareçam muito mais reais.

Twilight, a história não se apóia em conflitos com muita ação, tampouco os personagens precisam de eventos dramáticos para se desenvolver. Meyer baseou seu livro na intensidade de um relacionamento impossível, que já está sendo comparada com a atemporal história de amor Romeu e Julieta: existe o encontro inusitado, o amor cheio de barreiras, os conflitos externos e internos, a necessidade de proteção que um personagem sente pelo outro e o sacrifício em nome do amor. Se William Shakespeare conseguiu arrebatar os corações em sua época, por que Stephenie Meyer não conseguiria? A série Twilight nasceu numa época mais recente, acompanhando o desenvolvimento real do mundo. Sabe-se que, na vida real, não existe vampiros, mas pode haver uma Bella obcecada por um garoto e um Edward Cullen lindo e deslumbrante. E a possibilidade de incompatibilidade está sujeita a um campo tão vasto dos preconceitos humanos, o que torna a história ainda mais real.

A identificação das adolescentes é imediata, pois elas se vêem na história, o que não acontece na série Harry Potter dado que o romance é muito escasso e é um dos fatores que deixam a desejar. A autora da série do bruxinho parece esquecer-se de que seu personagem principal é um garoto com hormônios, como outro qualquer, e poda-lhe a adolescência amorosa de forma inacreditável. Outro fator favorável a Twilight é que as meninas compreendem exatamente o que Bella sente ou, pelo menos, pensam compreender. Tudo isso porque, de certa forma, o enredo psicológico do livro – com amor não correspondido, o novato na escola e na cidade, a vida com pais divorciados, diferença de idade e bagagem cultural entre namorado e novas experiências apesar da idade – atinge em cheio a vida de seus leitores.

Sabe-se que, na história dos bruxinhos é sempre a mesma velha ladainha do bem contra o mal, com Lord Voldemort sempre ameaçando a vida do personagem principal. Não existe mudança no enredo principal de J.K Rowling, enquanto Stephenie Meyer procurou incorporar novos enredos em cada livro, sem falar no conflito interno do bem e do mal dos próprios personagens. Em Twilight o conflito da personagem principal, Bella Swan, exibe uma complexidade maior: ela abandona a sua bolha maternal, onde está segura em seu mundo e se aventura a morar com o pai; lida com preconceitos relacionados ao seu namorado e o preconceito dele por si mesmo; é caçada por diversos assassinos ao longo da série; passa por uma terrível síndrome do coração partido, aprendendo a lidar com a separação amorosa; enfrenta as transformações drásticas de seu melhor amigo; passa por uma reconciliação; se forma na escola; casa-se com o homem de sua vida; enfrenta a maternidade com afinco; e têm de proteger sua filha dos ataques da maior família vampira: os Volturi.

Por fim, diversas lições podem ser tiradas de ambas as séries. As lições de Harry Potter são resumidas na amizade, lealdade, justiça e sacrifício por um bem maior. Além disso, aprende-se com o bruxinho que desobedecer às ordens expressas da escola e não ser punido, ao contrário, colher os louros é uma situação perfeitamente normal e isso ajuda a fortalecer uma juventude transviada. Também fica claro para o leitor que o essencial não é deter a sabedoria e prestar atenção nas aulas, mas ter amigos espertos e safos que lhe entregam tudo de bandeja.

Já Stephenie Meyer, com seus incríveis personagens, os leitores podem compreender que nunca é tarde para encontrar um grande amor e que é necessário batalhar muito para romper as barreiras do preconceito e alcançar seu objetivo. Aprende-se que ter paciência, tolerância com aqueles que são diferentes a si mesmo, sacrificar-se pelo amor e ter responsabilidade em seus atos são fatores que indicam o caminho certo a seguir na vida. Meyer conseguiu retomar a discussão sobre a importância da castidade e que é importante desfrutar cada momento de sua vida e não apressá-los. E, acima de tudo, a maior lição de todas é provar que cada um sempre tem uma escolha. As escolhas que se toma ao longo do caminho repercutem não apenas na própria vida, mas também naquelas que estão ao redor. Por isso, cada escolha deve ser pensada e os riscos avaliados, pois cada pequena decisão faz a diferença. E é por tudo isso que, hoje, a série Twilight supera Harry Potter.


Lufa-Lufa:

[DIFÍCIL] Áudio de no mínimo um minuto de um usuário da casa fazendo um discurso de candidatura à presidência nacional, imitando a voz do Pato Donald.
User:
Spoiler
http://www.4shared.com/file/123967106/6d6afa60/Donald.html



Sonserina:

[FÁCIL] Matéria sobre o uso dos Três D's usados nas aulas para aparatar.
User: Katerina
Spoiler
Encarte Especial
_________________________________
Aparate na Filosofia do 3D
Professor Sabunada Mesumo

O mês de julho, muito antes de ser um período de férias escolares, é a época aterrorizante de exames do Ministério da Magia. Cerca de cinco mil estudantes formados de todos os cantos fazem fila diante da cabine telefônica em Nowhere Drive 21 e aguardam sua chance de enfrentar o primeiro grande teste de maturidade do mundo bruxo: a prova de licença para aparatar. Alfreda Buttock, 17 anos, acabou de concluir seus estudos em Hogwarts e afirma sem titubear que "As provas são um chute na genitália. A pior delas é a de licença para aparatar. Ficamos horas esperando aqueles coçadores de testículos chamarem nossos nomes, enquanto lemos desesperadamente as apostilas do Mestre Sabunada."

Sabunada Mesumo, o verdadeiro criador do DDD, é dono da rede multimilionária de cursos preparatórios para aparatação Faidi-Reito e responsável científico pelo material didático das aulas. Há vinte anos atrás, ele conta, começou com uma modesta porta na sobreloja da Drogaria Potion&Poison. Hoje possui mais de três endereços no Beco Diagonal, que tem o metro quadrado mais caro da Inglaterra bruxa. Em matéria exclusiva para A Serpente, ele explica os três D's do sucesso e aconselha os formandos sobre a prova de licença para aparatar.


D de Disciplina

Os antigos ninjas bruxos diziam que a técnica de aparatar era um pedra preciosa que, para ter valor no mercado negro, deveria ser lapidada e polida. Quando eles usavam estas palavras, estavam falando de anos e anos de muito treino. Neste árduo caminho, aprendizes eram chicoteados sem piedade em meio a palavras emocionadas de agradecimento a seus mestres. Hoje em dia, no entanto, sabemos que as escolas de magia não permitem mais os bons e velhos métodos, mas continuam cobrando de seus alunos a perícia na arte de aparatar. Na ausência de um instrumento de tortura, o melhor meio de alcançar a perfeição é render-se à filosofia da disciplina. Os três D's, inspirados nas três cabeças do imponente cérbero, foram criados em torno desse pilar central e são as três etapas necessárias para o exercício da aparatação. São eles:

1. Dukibiráne (Destino)
2. Dakinonsayo-Dakiningemetirane (Determinação)
3. Desidiyagora-Modafoka (Deliberação)


Dukibiráne (Destino)

O primeiro D - Dukibiráne - significa literalmente "Do que virá, né?" e é uma expressão japonesa muito usada para se referir ao futuro próximo. Representa o destino da viagem a ser cumprida durante o ato de aparatar.
Para concluir esta etapa com louvor, o aparatante deve mergulhar sua mente nas estradas que transcederá e finalizar o percurso mental preenchendo toda sua consciência com a imagem do ponto de chegada. Os maiores erros cometidos durante o Dukibiráne são escolher um lugar de que nunca se viu fotografia antes e imaginar caminhos muito longos e tortuosos. Para isso, recomenda-se que o aparatante leve sempre no bolso imagens de seus lugares preferidos e use o truque de imaginação "atalho de chave do portal". Alguns minutos de meditação prévia ou o uso de infusão de folha de Papoula podem ajudar no sucesso deste degrau.


Dakinonsayo-Dakiningemetirane (Determinação)

Dakinonsayo-Dakiningemetirane, o segundo D, é um célebre grito de guerra imortalizado pela resistência mágica japonesa na oitava guerra contra os gigantes tigres asiáticos (para saber mais sobre Gigantes Tigres Asiáticos, consultar o volume 24 da coleção: "Ásia: Um mistério de mitologia, magia e geografia"). É também o título de uma canção folclórica que conta a história do elfo Burodemaisu, que serviu obstinadamente durante cem anos à família real, mesmo depois de receber ciroulas de todas as cores do arco-íris como aval de sua liberdade. Representa a determinação exigida do aparatante durante o ato de aparatar.


Desidiyagora-Modafoka (Deliberação)

O último e terceiro D foi inspirado na histórica frase do cruel imperador Vorudemoruto I, "Desidiyagora Modafoka", para apressar seus condenados à morte a se decidirem entre veneno de basilisco ou Avada Kedavra. Esta escolha era especialmente difícil, pois o custo do veneno aplicado era debitado na conta da família do moribundo e sabia-se que uma série de requintados Cruciatus antecediam o feitiço da morte. Representa a deliberação final que antecede a conclusão do ato de aparatar.
Nesta etapa, o aparatante - após decidir seu destino e demonstrar determinação para alcançá-lo - deve resolver em seu íntimo a dúvida essencial: vou ou não vou. Muitas composições famosas, como a trova Não sei se vou ou se fico, ilustram a indecisão primitiva que se apossa do aparatante segundos antes de se transportar para o ponto escolhido. Essa descomunal insegurança é explicada por cientistas que postulam a existência do hormônio inibitório indecisina, supressor do gene APA-2, localizado no cromossomo 30. Esta proteína bloquearia a capacidade de aparatar quando liberada pela amígdala - órgão responsável pelo medo e sensação de perigo - milésimos de segundo antes do aparatante finalizar o transporte. Supõe-se que seja um mecanismo de defesa que impede a execução de aparatações que nosso inconsciente pré-julgue nocivas, como por exemplo, o fato de aparatar num local nem tão preciso da África, sendo que há a possibilidade de se surgir em meio a um harém de leoas.
Portanto, é indispensável que o aparatante tenha cumprido corretamente os dois D's anteriores antes de se lançar no Desidiyagora-Modafoka. A pergunta "Vou ou fico?" deve ser formulada mentalmente e levar em consideração o destino e seus perigos. Aqui, recomenda-se que o aparatante seja racional e pense em métodos práticos de superá-los, se necessário, e convencer seu inconsciente de que existem muito mais vantagens no migrar para lá do que no permanecer aqui. Quando se atingir determinado grau de segurança, que varia de pessoa para pessoa, a aparatação se concluirá de modo espontâneo. O maior erro cometido nesta etapa é tentar usar argumentos descabidos ("eu sou Merlin") para o fato óbvio de que o destino é mortal, como o citado harém de leoas. Recomenda-se que sejam preferidos lugares mais resguardados, ainda que mais distantes e que exijam que parte do trajeto seja realizado de modo convencional (a bilheteria do safari seria a opção para contornar as leoas).

Lembramos que os três D's são indissociáveis e que nenhum passo deve ser negligenciado.


[MÉDIO] Faça um artigo em que você prove, com bons argumentos, que a série Twilight é melhor que a série Harry Potter.
User: Thaty Malfoy
Spoiler
É inevitável ouvir comparações entre as séries “Harry Potter” e “Crepúsculo”. Há quem diga que são histórias completamente semelhantes e igualmente boas, mas eu estou aqui para discordar desses dois pontos.

Em primeiro lugar, elas não tem nada de semelhante.
Claro que o fato dos personagens principais, Harry e Bella, serem adolescentes completamente normais, desprovidos de qualquer beleza incomum, não possuir uma conta milionária no banco e estarem ligados com histórias recheadas de coisas surreais, acabam criando aspectos comparativos. Porém, fora esses quesitos, são livros com enredos voltados para lados opostos: “Harry Potter” é aventura; “Crepúsculo” é romance.

Não é difícil imaginar os motivos que fazem de “Crepúsculo” uma série melhor e de maior sucesso entre o público alvo, então, irei listá-las nesse artigo.

1- A luta pelo amor impossível e verdadeiro – “Crepúsculo” fala sobre o amor entre uma humana e um vampiro. Amor à primeira vista e uma relação cientificamente improvável, já que uma das partes se alimenta de sangue. Só que mesmo sabendo que ele é um vampiro – que a abandona por puro altruísmo -, Bella não desiste de lutar por esse amor.
Todos nós gostamos de aventuras, mas o que procuramos incansavelmente é um verdadeiro amor. A série “Crepúsculo” consegue abordar os dois pontos enquanto “Harry Potter” é focado na aventura – com uma leve pitadinha de romance sem-sal-nem-açucar.

2- O príncipe é realmente encantado – Edward é o príncipe que toda mulher sonha. Ele é bonito, educado, protege Bella com unhas e dentes – literalmente –, é romântico, a ama incondicionalmente e faria tudo – inclusive deixá-la – para que ela seja feliz. O fato dele ser rico é um bônus, claro (Ah, qual é. Sou sly, posha u_u).
Só que ao invés de um cavalo branco, nosso vampiro é equipado com um Volvo prata reluzente. Mas vamos ser realistas, certo? Que mulher espera que o príncipe chegue realmente em um cavalo? Ou pior, em uma vassoura?
Harry é um rapaz sem nenhum atrativo aparente e, convenhamos um tanto quanto lerdo em relacionamentos. Ele não luta pela Gina, pelo contrário, esnoba o amor dela por CINCO anos e quando finalmente engata em um relacionamento com a ruiva, dá um pé na bunda dela. Eles não reatam antes da guerra acabar, ou seja, não enfrentam os obstáculos juntos. E quem esperava um romance pra fechar a série com chave de ouro, ganhou um decepcionante epílogo.

3- A beleza – Me diz, o que tem de atrativo em um rapaz de cabelos rebeldes, com uma cicatriz na testa, magrelo, com os joelhos ossudos e mal vestido? Ou em uma garota dentuça e de cabelos volumosos? Ou um ruivo com pés e mão grandes, desengonçado e de nariz comprido? E por mais que eu seja Sonserina, um loiro de rosto pontudo, magrelo e dedos longos e uma menina com cara de buldogue não são as melhores descrições de beleza que eu já vi. Nenhum personagem de “Harry Potter” é descrito de uma forma atrativa, e isso realmente piora nas adaptações para as telonas (tirando, claro, Cedrico Digory, que é interpretado por Robert-gostosomaravilhoso-Pattinson – que faz também o papel de Edward).
Já em “Crepúsculo”, Bella Swan pode ser descrita como a garota morena de cabelos castanhos e aparência normal, mas a família Cullen – e os vampiros em geral – são particularmente belos. Até mesmo Jacob, o lobisomem, que entra na série como um menino magrelo e de cabelos longos, sai dela musculoso e alto. Em geral, isso tudo só melhora nas telas. Ponto positivo para “Crepúsculo”.

4- Situações comuns da vida real – “Crepúsculo” mostra um lado mais real da vida adolescente. Impasses comuns, como por exemplo, a garota desastrada que se apaixona pelo modelo de perfeição; a adolescente que mora com o pai e faz o serviço de casa; os ciúmes do namorado com o seu amigo; o seu amigo apaixonado por você; a não correspondência desse sentimento; o medo da recusa; o baile de formatura; a escolha entre ir pra faculdade ou ser imortal... Certo, esse último talvez não seja tão comum assim, mas “Crepúsculo” torna-se melhor por trazer situações em que facilmente viveríamos se ignorássemos o fato dos lobos e vampiros, enquanto “Harry Potter” trás um mundo muito mais ilusório do que real.

5 – A simplicidade da leitura – Não que "Harry Potter" seja um livro complicado de ler, mas a autora da série "Crepúsculo" trás uma linguagem simples e clara em seus livros. Tudo é narrado do ponto de vista da personagem principal Bella, e isso facilita a aproximação do leitor com a história. Você simplesmente imagina, ou se vê desejando, estar dentro do livro (principalmente ser a Bella pra catar o Edward e ainda ter o Jake babando por você =X).

6 – Vampiros são mais do que inquilinos no sótão – Na versão em inglês de “Harry Potter”, a criatura que habita o sótão dos Weasley’s é um “Ghoul”, que na versão traduzida para a nossa língua aparece como “vampiro”. Eles são descritos como “criaturas dentuças e escorregadias que geralmente habitam sótãos e celeiros, onde se alimentam de insetos” e ainda “gemem e atiram objetos contra os canos”. Talvez a intenção de JK. Rowling não fosse essa, mas com a tradução do nome para a nossa língua, ela acabou inferiorizando um ser milenar e símbolo de imponência. Stephenie Meyer, pelo contrário, os aperfeiçoou, deixando-os mais reais e possíveis de existir. Na verdade, ela fez com que desejássemos isso, deixando muitos com uma ‘pulga atrás da orelha’.

7 – Literatura que inspira a cultura e o esporte – Meyer não só fez com que os adolescentes lessem como fez com que as portas do mundo cultural fossem abertas em suas vidas.
Os livros “Crepúsculo”, “Lua Nova”, “Eclipse” e “Amanhecer”, estão diariamente influenciando adolescentes a lerem clássicos da literatura como, por exemplo, “O Morro dos Ventos Uivantes”, “Razão e Sensibilidade” e “Orgulho e Preconceito” – livros preferidos da personagem Bella Swan - e a ouvirem as músicas clássicas de Debussy – citado por Bella e Edward. Ainda tem o fato de Edward ser um exímio pianista e os Cullen’s serem apaixonados por beisebol. E essa é a razão mais importante, na minha opinião. Ela instiga o interesse pelo esporte, música e literatura de qualidade.

Meyer também explorou a nossa imaginação e aguçou a nossa curiosidade descrevendo países diferentes, enquanto JK somente os citava em seus livros. Além dela ser ultra fofa, dedicando a sua inpiração a diversas bandas de música e agradecendo por isso - o que acaba, querendo ou não, influenciando seus leitores a escutá-las também.

E então? "Crepúsculo - série" é melhor, não é?


[IMPOSSÍVEL] Faça abertura d'Os Normais como no video a seguir somente com fotos de usuários da casa e animais.
Vídeo: http://www.youtube.com/watch?v=TrGnfbDbOsE
User: Nathalie Evans e Dri Snape
Spoiler
http://www.4shared.com/file/124035441/11e84091/os_normais_2tentativa_0002.html


Total Bônus (Semana 1 + Semana 2)

Corvinal: 50 tochas
Grifinória: 30 tochas
Lufa-Lufa: 20 tochas
Sonserina: 70 tochas
Shhhh
User avatar
Lara
Conjurando o Patrono
Conjurando o Patrono
Posts: 737
Joined: 24/07/04, 11:35
Sexo: Feminino
Estado: ES
Casa: Grifinória
Contact:

Re: Melhores Provas (Tochas Bônus) - Olimpíadas GP 2009

Post by Lara »

ai que lindo, ninguém postou aqui ainda e eu vou ser a primeira a vir reclamar, rs.
como o tópico não está trancado acho que pode comentar aqui né?

então.. nós, membros da griffa que estamos participando das olimpíadas, estamos meio indignados e até mesmo decepcionados com o fato da tarefa das embaixadinhas realizada pela JCA não ter sido escolhida como uma das melhores provas. queríamos saber porque a equipe de jogos não se surpreendeu com o fato dela realizar não só as 15 embaixadinhas pedidas na tarefa, mas 26 embaixadinhas no total, e também o fato de ter sido a única menina dentre as casas que conseguiu realizar esta prova. o que mostra o quão difícil ela era. olhando o resultado, parece até que era fácil de se fazer.. mas não é! aquele vídeo mostra uma semana toda de treinamento, e não acho que só porque não foi feito nada mais diferente do que se pedia, que a tarefa deveria ser ignorada assim.


Fica aí a dúvida.
Griffa Awards 2010 - Prêmio Rúbeo Hagrid
Image

Say it loud
Say it proud
GRYFFINDOR!
Biaa Le Flay
Chefe Godric's Hollow
Chefe Godric's Hollow
Posts: 2004
Joined: 10/04/06, 15:12
Sexo: Feminino
Estado: PE
Casa: Grifinória
Facebook: https://www.facebook.com/bianca.domingos.71
Last.fm: http://www.lastfm.com.br/user/biaaflay
Blog: http://leflay.tumblr.com/
Micro Blog: http://twitter.com/biaa_d
Location: Godric's Hollow

Re: Melhores Provas (Tochas Bônus) - Olimpíadas GP 2009

Post by Biaa Le Flay »

Não sei se aqui é o tópico certo para isso mas, eu concordo com a Lara. Essa foi uma tarefa quase impossível e a JCA foi além das 15 embaixadinhas que vocês pediram, acho que ela merecia um reconhecemento desse esforço. Agradeceria se vocês revissem essa prova. =)
●๋•Chefe da Godric's Hollow ●๋
Dúvidas, Reclamações, Sugestões, Conversar sobre a melhor saga do mundo? Mande
MP

~Gêmula da Deh Tonks~

Image
Helen Deadly
Na Copa Mundial de Quadribol
Na Copa Mundial de Quadribol
Posts: 1029
Joined: 15/07/08, 17:15
Sexo: Feminino
Estado: Portugal
Last.fm: http://www.lastfm.com.br/user/helendeadly
Micro Blog: https://twitter.com/beautifulnesson
Location: London
Contact:

Re: Melhores Provas (Tochas Bônus) - Olimpíadas GP 2009

Post by Helen Deadly »

Posso concordar?!
Principalmente porq a Gryffa foi a unica casa a conseguir realizar essa prova..
Image Image

DRARRY

Resistênte do ship Sirius & Hermione
Spoiler
Here, I was...
Helena TCCWP, Smurffy Poppy, Lennie Rose
User avatar
blocbebé23
Colaborador Potterish
Colaborador Potterish
Posts: 836
Joined: 12/06/07, 01:00
Sexo: Feminino
Estado: MG
Casa: Grifinória
Location: Tãooo sumida!

Re: Melhores Provas (Tochas Bônus) - Olimpíadas GP 2009

Post by blocbebé23 »

Uia! Tiraram da minha boca! :shock:
Tava aqui pensando que essa prova foi merecedora de tochas e, pra ser honesta, fiquei surpresa por não ter recebido!
Ahhhh povo! Foi a única casa que fez, foi difícil pacas e ainda a moça arrasou ultrapassando as embaixadinhas pedidas!
É parabéns com crédito, né não? :mrgreen:

Blocbebé23
Image
Filhos: Rúbia e Fênando
Netos: Tendou e Danny
Bisneta: Yuu
Afilhadas: Lilysbalda, Flor e Flávio

Image
Spoiler
Image
Narração/Fala/Pensamento/Outro personagem
User avatar
Langel Lovegood
Descobrindo a Profecia
Descobrindo a Profecia
Posts: 2093
Joined: 29/06/05, 18:51
Sexo: Feminino
Estado: RJ
Location: Aqui, lá

Re: Melhores Provas (Tochas Bônus) - Olimpíadas GP 2009

Post by Langel Lovegood »

sem querer ser chata, mas ela fez o que pediram na prova.

Não sei quanto as outras casas, mas a corvi só não entregou por falta de encontro entre a bola e a pessoa que sabia fazer embaixadinha.


sem desmerecer o que ela fez, eu não consigo fazer nem 3. Mas eu acho que as provas que ganharam bônus foram provas que tinham um diferencial e pá. Tipo a flutuaçao do gato de vocês, que levou na primeira semana, que tava a mais científica das teses e foi hiper bem escrita.

a emoção de ser escolhida para a cerimônia do Olivaras
Helen Deadly
Na Copa Mundial de Quadribol
Na Copa Mundial de Quadribol
Posts: 1029
Joined: 15/07/08, 17:15
Sexo: Feminino
Estado: Portugal
Last.fm: http://www.lastfm.com.br/user/helendeadly
Micro Blog: https://twitter.com/beautifulnesson
Location: London
Contact:

Re: Melhores Provas (Tochas Bônus) - Olimpíadas GP 2009

Post by Helen Deadly »

Langel Lovegood wrote:sem querer ser chata, mas ela fez o que pediram na prova..

Isso é verdade mas temos de reconhecer que foi além do pedido. Ela simplesmente bombou!

Langel Lovegood wrote:Não sei quanto as outras casas, mas a corvi só não entregou por falta de encontro entre a bola e a pessoa que sabia fazer embaixadinha.

Me desculpa, Langel, mas sinseramente, o ponto da questao não é quem podia ter feito e não fez por aqela razão: a questão é que a JCA poderia levar a tocha e não levou.


Langel Lovegood wrote:sem desmerecer o que ela fez, eu não consigo fazer nem 3. Mas eu acho que as provas que ganharam bônus foram provas que tinham um diferencial e pá. Tipo a flutuaçao do gato de vocês, que levou na primeira semana, que tava a mais científica das teses e foi hiper bem escrita.

E essa prova não tinha um diferencial?! Simplesmente, nós fomos os únicos que enviamos a prova! Isso é uma diferença em pans, não?!

Bem, moderas deste sitio, não se preocupem mais cmg não... Já reclamei o que devia reclamar por bem tanto de uma usuária da minha casa como da Gryffa e não quero arranjar chtices... Pedindo aqui só justiça ^^

BeijoOs <3
Image Image

DRARRY

Resistênte do ship Sirius & Hermione
Spoiler
Here, I was...
Helena TCCWP, Smurffy Poppy, Lennie Rose
User avatar
Rúbia
Conhecendo A Toca
Conhecendo A Toca
Posts: 293
Joined: 11/01/08, 18:04
Sexo: Feminino
Estado: MG
Casa: Grifinória
Facebook: http://www.orkut.com.br/Profile.aspx?ui ... 0931102268
Location: Em algum lugar do Grimm

Re: Melhores Provas (Tochas Bônus) - Olimpíadas GP 2009

Post by Rúbia »

Langel disse:

sem querer ser chata, mas ela fez o que pediram na prova.


Não acho que essa é uma justificativa não Langel.
Todas as provas que levaram as tochas bônus fizeram o que foi pedido na prova.
Do contrário, teriam sido desconsideradas.

As tochas foram dadas para casas em que as provas tiveram um diferencial, e já que somente a Jess conseguiu fazer e ainda fez quase 10 embaixadinhas a mais do que foi pedido, ou seja, foi além do que foi pedido, acho, e alguns membros da Grifa também, que ela seja merecedora dessas tochas.

Nós só queremos os argumentos dos jogos. Tenho certeza que se eles nos mostrarem que a prova não teve nada d+ pra que recebesse um bônus, nós não nos revoltaremos! :mrgreen:
Image
Ron Weasley Hermione
Bloc
Evans [/i]

♪♫♪ "There comes a time when every bird has to fly
At some point every rose has to die" ♪♫♪
[/center]
bruzy
Conhecendo A Toca
Conhecendo A Toca
Posts: 324
Joined: 02/12/08, 16:15
Sexo: Feminino
Estado: RS
Casa: Sonserina
Facebook: http://www.orkut.com.br/Main#Profile.as ... 0500888454
Last.fm: http://www.lastfm.com.br/user/bruzynha
Micro Blog: http://twitter.com/BrunaSteffens
Photos: fotolog.com/howaboutit

Re: Melhores Provas (Tochas Bônus) - Olimpíadas GP 2009

Post by bruzy »

Pessoal, a dúvida vai ser levada até o QG dos Jogos e assim que tivermos uma resposta, vocês saberão, ok?
Sem mais discussões aqui, por favor... [-o<
Image
Who said we need to buy a guitar?
User avatar
Nekoju
Conjurando o Patrono
Conjurando o Patrono
Posts: 748
Joined: 05/03/05, 10:22
Sexo: Masculino
Estado: RJ

Re: Melhores Provas (Tochas Bônus) - Olimpíadas GP 2009

Post by Nekoju »

Bien, bien...

Antes de tudo: Lara, pode sim postar aqui. O tópico está aberto para isso, mas acho que a reclamação em questão caberia no discussões mesmo. De qualquer forma, responderei aqui.

Como a Nana informou a Lara, a Equipe dos Jogos decide as Tochas Bônus em consenso, elegendo quais provas achamos que excederam expectativas. No geral, procuramos provas que cumpram o exigido, prezando, também, pelo humor, uso e abuso da criativade, uma originalidade, aborgadem diferente etc, o que é a alma do evento.

De fato, a JCA cumpriu muito bem a sua prova, fez não tão-somente as 15 embaixadas como mais, 26 pelo que vocês dizem. Acontece que foi exatamente isso que pedimos, "pelo menos 15 embaixadas". Ela cumpriu o pedido na prova de forma bem feita, mas ao nosso ver, sem algum "Q a mais" para merecer as tochas bônus.
O fato da prova não ser fácil é meio elementar, já que ela se enquadra com uma prova Difícil.

Agora, ela ter sido a única a fazer a prova não é, em momento algum, fator primordial para tochas bônus. Algumas provas tiveram 2 casas fazendo e nem por isso elas levaram bônus por isso, mesmo tendo alguns extras (ex: Patinação, tanto Corvinal quanto Sonserina, já que ambas usuárias que fizeram ainda dançaram funk na patinação do gelo e fizeram o passo "Moonwalk").

Agora, umas pequenas ressalvas dessa discussão aqui:

Primeiro, acho que existem formas e formas de apontar uma opinião. Façam seus juízos de valores, mas não acho que caiba apontar aqui coisas como "estamos só pedindo Justiça". Nós estamos fazendo um evento bastante trabalhoso e que, por si só, já traz consigo uma carga enorme de problemas inerentes, sempre prezando pela ética e pela imparcialidade. Não acho, pois, digno usar esse tipo de afirmação aqui.

Por fim, já me chegou aos ouvidos algumas pequenas intrigas entre casas, tendo o foco as Olimpíadas. Se vocês fazem isso por Msn, MP, Twitter, Orkut, não vou procurar saber nem me interessa. O fato é que não tolerarei troquinha de farpas aqui, na seção. Certo?

É isso.
Shhhh
User avatar
Lara
Conjurando o Patrono
Conjurando o Patrono
Posts: 737
Joined: 24/07/04, 11:35
Sexo: Feminino
Estado: ES
Casa: Grifinória
Contact:

Re: Melhores Provas (Tochas Bônus) - Olimpíadas GP 2009

Post by Lara »

De fato, a JCA cumpriu muito bem a sua prova, fez não tão-somente as 15 embaixadas como mais, 26 pelo que vocês dizem. Acontece que foi exatamente isso que pedimos, "pelo menos 15 embaixadas". Ela cumpriu o pedido na prova de forma bem feita, mas ao nosso ver, sem algum "Q a mais" para merecer as tochas bônus.
O fato da prova não ser fácil é meio elementar, já que ela se enquadra com uma prova Difícil.

Agora, ela ter sido a única a fazer a prova não é, em momento algum, fator primordial para tochas bônus. Algumas provas tiveram 2 casas fazendo e nem por isso elas levaram bônus por isso, mesmo tendo alguns extras (ex: Patinação, tanto Corvinal quanto Sonserina, já que ambas usuárias que fizeram ainda dançaram funk na patinação do gelo e fizeram o passo "Moonwalk").


Pois é, só que eu achava que mesmo a prova não tendo um 'Q a mais' ela ainda merecia tocha bônus, pelo motivos que disse a cima. mas se a equipe de jogos em consenso não achou o mesmo, então nao podemos fazer mais nada.. mas tínhamos que vir aqui expressar nossa opinião, né?

Enfim, quanto as intrigas entre as casas graças a Deus eu não estou sabendo de nada. Porque, pode até parecer meio irônico agora mas, prefiro participar das olimpíadas e realizar as tarefas do que ficar discutindo ;D
Griffa Awards 2010 - Prêmio Rúbeo Hagrid
Image

Say it loud
Say it proud
GRYFFINDOR!
User avatar
blocbebé23
Colaborador Potterish
Colaborador Potterish
Posts: 836
Joined: 12/06/07, 01:00
Sexo: Feminino
Estado: MG
Casa: Grifinória
Location: Tãooo sumida!

Re: Melhores Provas (Tochas Bônus) - Olimpíadas GP 2009

Post by blocbebé23 »

Pessoal!
Agradeço a explicação de vcs. Agradeço também a disponibilidade de argumentar e esclarecer porque isso nos deixa também a vontade para tirar nossas dúvidas e até colocarmos indignações que por vezes acontecem. Acho isso normal em qualquer competição sadia e não acho ruim poder falar aqui. Contanto que sejamos amigáveis e polidos para fazê-lo.
Vcs recebem de maneira educada e isso é muito bom também.
O trabalho de vcs é imenso, a organizaçnao é importantíssima e tudo está indo muito bem.
Espero que sejamos cuidadosos sim. A rivalidade entre as casas é natural, sobretudo nesse momento de jogos, mas em absoluto, precisa ser desagradável!
Então, vamos nos divertir!

Abraço

Blocbebé23
Image
Filhos: Rúbia e Fênando
Netos: Tendou e Danny
Bisneta: Yuu
Afilhadas: Lilysbalda, Flor e Flávio

Image
Spoiler
Image
Narração/Fala/Pensamento/Outro personagem
User avatar
Bruna Behrens
Descobrindo a Profecia
Descobrindo a Profecia
Posts: 2728
Joined: 15/02/07, 19:20
Sexo: Feminino
Estado: BA
Casa: Sonserina
Last.fm: http://www.lastfm.com.br/user/brunabehrens
Location: No bolso da Otaku * - *
Contact:

Re: Melhores Provas (Tochas Bônus) - Olimpíadas GP 2009

Post by Bruna Behrens »

vim só dizer que como muita gente discordo de algumas decisoes. achava que essa ou aquela prova merecia tocha bonus e uma outra nao. mas diferente do resto eu entendo que essa decisao de dar tochas bonus ou nao é algo muito pessoal por mais que a equipe use criterios para tal. o que é bom pra vc pode nao ser pra mim.

acho que falta ao pessoal sacar isso. e falo no geral pra evitar algo mais, afinal, todo mundo lembra do ano passado como foi. deixou de ter graça que é o objetivo das olimpiadas pra mim. divertir. vamos rir das provas dos outros gente. pontos é só um detalhe. eu quando podia participar adoraaaaava pagar mico. =D

parabens pras casas que se superam nas provas até agora e pra equipe dos jogos. tô rindo muito AIUHAIUAH
Amorzinho da Gabione . Marida da Camilla . Quase-Marida da Cacaúdia . Futura da Perséfone Black . Noeva da Thaty . Consciência da Nana

Thaty
, a apertadora oficial da minha bunda ;x

"O amor escorre pela telinha do PC"
Adriana Snape . Amandita Winchester² . Betynha
Elizabeth Maives . Fla W. Malfoy . Hokuto


Porque certas coisas nunca mudam.
User avatar
Hannah.
Colaborador Potterish
Colaborador Potterish
Posts: 899
Joined: 31/07/09, 20:45
Sexo: Feminino
Estado: SP
Casa: Corvinal
Location: Escrevendo "As peripecias peristalticas de Lulu-fru" pra Jess.

Re: Melhores Provas (Tochas Bônus) - Olimpíadas GP 2009

Post by Hannah. »

chefa q nunk me paga diz:
vim só dizer que como muita gente discordo de algumas decisoes. achava que essa ou aquela prova merecia tocha bonus e uma outra nao. mas diferente do resto eu entendo que essa decisao de dar tochas bonus ou nao é algo muito pessoal por mais que a equipe use criterios para tal. o que é bom pra vc pode nao ser pra mim.


ah agora comofas se vai parecer puxa saquismo ela ter dito o q eu axo..e sem querer interferir no topico alheio naum axo q tocha bonus eh um topico q deveria ser aberto para discussoes (u.u entaum o q faço eu aki palpitando? :roll: ) pq nunk vai agradar a tds e qdo vc fizer a prova e naum ganhar naum vai axar justo pq td mundo sempre se axa o melhor naum importa se isso eh ou naum verdd..e pelo amor de qq coisa naum estou falando por causa dessa prova da jess q foi a prova q fez td mundo querer dar a opiniao sobre os bonus estou falando em geral..tem provas dessa rodada q eu naum axo q mereceram e ganharam(na verdd uma prova soh as otras eu super apoio a premiaçao) mas reclamar naum faz as tochas aparecerem mas no caso de fazer estou aki o/

entaum ta..me deu vontade..falei...me fui por ali /o/
♥ Gabi ♥

And I'll forget the world that I knew,
But I swear I won't forget you,
Oh if my voice could reach back through the past,
I'd whisper in your ear,
Oh darling I wish you were here.


Image
"E pluribus unum"

Image
(♥)
Spoiler
Image
♥ Mãe/Pai da Anjinha,Rafa,Kuta,Nenem,BebeBru e T.A
Dinda da Jess,Ohanna e da Xoclatinha ♥
User avatar
Nekoju
Conjurando o Patrono
Conjurando o Patrono
Posts: 748
Joined: 05/03/05, 10:22
Sexo: Masculino
Estado: RJ

Re: Melhores Provas (Tochas Bônus) - Olimpíadas GP 2009

Post by Nekoju »

3a semana


Grifinória:

[FÁCIL] Escrevam a canção que o Chapéu Seletor cantaria se estivesse de péssimo humor.
User: Morena Cor~de~Veela e blocbebé23
Spoiler
Vídeo: http://www.4shared.com/file/125339589/d ... hapeu.html
Texto: Ah, vocês podem me achar muito chinfrim,
que já não dou pro gasto e não sirvo para mais nada.
Quem sabe até daria uma gargalhada
mas já acho tudo isso de um chatismo sem fim.
Para que Casa irão,
isso eu decidirei,
lendo suas cabecinhas de vento
que vocês julgam ter algo dentro.
Bem vindos a Hogwarts!
Escola de anos e anos e anos e anos de existência
tão antiga quanto eu,
embora ainda tenha mantido o apeel e a inteligência.
Vão ficar na Grifinória?
Pois sofrerão crises de heroísmo.
Na Sonserina, talvez?
Acabaram mortos e humilhados.
Corvinal, do brilhantismo e da razão?
Estarão sempre no segundo escalão.
E na Lufa-lufa sem eira nem beira,
Saiba que não fede nem cheira.
Vamos, me coloquem na cabeça!
O que? Têm medo de mim?
Só assim para achar graça por aqui.
Ah, vamos logo, adiantem o passo!
Só assim poderei ser trancado no armário
e tirar um bom cochilo.
Quem sabe assim não se tocam que preciso
de boas férias e um salário digno,
para que possa passear em mentes mais interessantes
do que crianças remelentas e broxantes.


[MÉDIO] Foto de um usuário da casa com o maior número de vassouras.
(Não poderão haver montagens de qualquer tipo na foto e as vassouras terão de ser reais).
OBS: A casa que conseguir foto com mais vassouras levará a tocha bônus.
User: .Helena TRCCWP.
Spoiler
http://i205.photobucket.com/albums/bb284/MissPinkJR/GoGO.jpg


[DIFÍCIL] Faça a cena do "Enterro da Aragogue" do sexto livro/filme da série Harry Potter. Deverá ter no máximo 4 minutos e deverão constar, pelo menos, 2 usuários da casa.
User: blocbebé23, Rúbia e Flor Otaku Great WP
Spoiler
http://www.4shared.com/file/125352901/4f28a2c5/goodbyesaragogue.html


Lufa-Lufa:

[MÉDIO] Vídeo de no mínimo um minuto e meio de um usuário do sexo masculino da casa dando dicas de maquiagem enquanto se maqueia.
User: luqas
Spoiler
http://www.youtube.com/watch?v=R0jrYrUtjdA


Total Bônus (Semana 1 + Semana 2 + Semana 3)

Corvinal: 50 tochas
Grifinória: 65 tochas
Lufa-Lufa: 30 tochas
Sonserina: 70 tochas
Shhhh
User avatar
Nekoju
Conjurando o Patrono
Conjurando o Patrono
Posts: 748
Joined: 05/03/05, 10:22
Sexo: Masculino
Estado: RJ

Re: Melhores Provas (Tochas Bônus) - Olimpíadas GP 2009

Post by Nekoju »

4a semana


Grifinória:

[FÁCIL] Escreva uma texto (Dissertação, narração, poesia etc) que fale sobre o final da saga de Harry Potter
(Demonstrar toda paixão por HP).
User: Morena Cor~de~Veela
Spoiler
No fim do arco-íris existe um pote de ouro

Era uma vez uma absurda quantidade de jovens mentes brasileiras que não liam nada além dos livros didáticos obrigatórios pelas escolas. Era uma vez um mundo sem muita criatividade. Era uma vez sagas interessantes de apenas três livros. Era uma vez a história de todos nós. Era... No pretérito imperfeito do indicativo. No passado preto e branco onde a magia não estava presente em nossas vidas. Mas tudo isso mudou, quando um certo alguém resolveu embarcar numa viagem de trem e trazer de volta algo que revolucionaria o mundo: um inofensivo bebê de 1 ano de idade que transformou as nossas vidas para sempre.

Um conto mágico que todos puderam acompanhar e se apaixonar por um longo tempo. O maior fenômeno literário que alcançou todas as faixas etárias. Uma explosão mágica de avidez pela leitura no Brasil e mundo afora. Quem não se compadeceu com o menino que era maltratado pelo tio, tinha um quarto embaixo da escada e de repente se descobre famoso num mundo mágico? Quem não sentiu e sente vontade de ser um bruxo e ir para Hogwarts? Quem não gostaria de jogar uma partida de Quadribol? Quem não salvou Gina da Câmara Secreta junto com o Harry? Quem não se emocionou quando descobriu que ele não estava mais sozinho, pois tinha o padrinho Sirius? Quem não torceu pelo Harry nas provas do Torneio Tribruxo e assistiu com assombro o retorno de Voldemort? Quem não se alistou na Armada de Dumbledore, deu uma risadinha com o primeiro beijo de Harry, quis avadar a Umbridge e sentiu um nó na garganta quando Sirius morreu? Quem não torceu por Harry e Gina e quem não sentiu o coração quase parar quando Dumbledore morreu? Quem não buscou as Horcruxes com o trio, enlouqueceu com o amor declarado de Rony e Hermione e depois lutou com todos eles, lado a lado, contra Voldemort?

E depois de tudo isso? Uma última frase; uma última palavra. Acabou? Para Joanne Kathlleen Rowling, tudo estava bem e para isso bastava um ponto final. Mas acabou? Nunca para os fãs que aprenderam a fazer magias, que estudaram tantas matérias maravilhosas e descobriram um novo mundo para mergulhar em seus sonhos, muitas vezes acordados. Pode-se falar da indústria do entretenimento e do consumo exacerbado de produtos da saga. Mas não há dinheiro no mundo que pague esse sentimento de unidade, de admiração e essa capacidade inventiva que JK nos deu.

Somos uma geração abençoada, porque temos algo concreto para ler. Não mais com historinhas de chapeuzinho vermelho e lobo mau; adeus às velhas farsas das princesas de contos de fadas! Hoje, somos crianças, adolescentes, adultos e idosos mais complexos e é aí que a história de Harry encanta a todos: porque tem mensagens para todo mundo. Não é mais historinha pra dormir, é uma história que, de certa forma, se encaixa em nossa vida real. Nós tentamos nos dar bem na escola, temos amigos para nos ajudar, às vezes somos excluídos por sermos diferentes ou mal compreendidos. Temos aquele professor que pega no seu pé e aquele que é, incondicionalmnte, seu amigo. Temos que lutar com o mal todos os dias, sejam eles a violência, o desprezo ou a solidão. E é isso que faz a saga Harry Potter atemporal: esses conflitos que sempre existirão, não importa a que país o leitor pertença.

Afinal, a saga tinha chegado ao fim, da forma como J.K. queria. O livro que começou um caos, muito tenso no meio, teve um final feliz. Sim, final feliz. Piegas? Mas a vida é piegas! O final do livro nos possibilita continuar a imaginar, em nossas cabeças, o que teria acontecido com todo mundo. Cada um agora tem seu próprio universo Hogwarts e isso é uma coisa fantástica! JK nos deu uma história sobre magia, mas deixou reservado para os leitores o maior de todos os poderes mágicos, a magia por trás de cada linha: a imaginação. Ela plantou realmente uma semente em todos nós. Somos uma geração abençoada porque temos a capacidade de sonhar, de ir além de nossa realidade.

O fim nunca foi exatamente isso, afinal, no fim do arco-íris sempre existe um pote de ouro. O ponto final foi a sugestão de um novo começo. O começo para que os fãs de Harry Potter arregaçassem as mangas, sacassem suas penas e tinteiros e começassem a escrever a sua própria história. A Saga de Harry Potter jamais chegará a um fim, pois a magia está além do que JK escreveu: corre nas veias dos fãs e na cabeça dos ficwriters. Por que existe o Potterish? Alguém criativo tocado pela magia inventou! Por que existe o Grimmauld? Para a reunião dos trouxas mais bruxos do Brasil! O RPG? Porque queremos ir para Hogwarts. A FeB? O FFnet? Porque somos uma geração sedenta por mais! Criaremos universos alternativos, novos personagens, velhas e novas histórias. E para aqueles descrentes e desesperados que acham que o apocalipse chegará após o lançamento do último filme e que a saga será esquecida para sempre, sugiro que preste muita atenção:

"Você também vai descobrir que Hogwarts sempre ajudará aqueles que a ela recorrerem."
Alvo Percival Wulfrico Bryan Dumbledore, vulgo, JK Rowling.

Video: http://www.youtube.com/watch?v=TTqpdI12jMo



[DIFÍCIL] Áudio de um user da casa cantando Chattahoochee de Alan Jackson (pode ser homem ou mulher) ( Música: http://www.youtube.com/watch?v=smgVLKoA1sE)
User: Pagú
Spoiler
http://www.4shared.com/file/126990352/594b9e9d/Chiiiiiii.html



Sonserina:

[MÉDIO] Video com pelo menos um usuário da casa fazendo o mesmo que no video: http://www.youtube.com/watch?v=uCyUYcja4IM&feature=fvw. Caso seja apenas um usário, ele deverá imitar o cachorro.
User: Adriana Snape
Spoiler
http://www.youtube.com/watch?v=57_SlaZ9jFw


[DIFÍCIL] Áudio de um user da casa cantando Chattahoochee de Alan Jackson (pode ser homem ou mulher) ( Música: http://www.youtube.com/watch?v=smgVLKoA1sE)
User: Adriana Snape
Spoiler
http://www.youtube.com/watch?v=3-qDckSHSe4


[IMPOSSÍVEL] Fotos de usuários da casa com ingressos de diferentes shows internacionais que tenham ocorrido no Brasil no período de 2006 até 2009. Nome da banda e data deverão ser legíveis.
OBS: Deverão constar no mínimo 5 ingressos; não serão contados ingressos repetidos; a casa que conseguir o maior número de ingressos levará bônus.
User: Veve e Elis Grint


Total Bônus (Semana 1 + Semana 2 + Semana 3 + Semana 4)

Corvinal: 50 tochas
Grifinória: 90 tochas
Lufa-Lufa: 30 tochas
Sonserina: 140 tochas
Shhhh
Locked

Return to “Olimpíadas Grimmauld Place”