[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Warning: in file [ROOT]/includes/functions.php on line 4731: Cannot modify header information - headers already sent by (output started at [ROOT]/includes/functions.php:3815)
[phpBB Debug] PHP Warning: in file [ROOT]/includes/functions.php on line 4733: Cannot modify header information - headers already sent by (output started at [ROOT]/includes/functions.php:3815)
[phpBB Debug] PHP Warning: in file [ROOT]/includes/functions.php on line 4734: Cannot modify header information - headers already sent by (output started at [ROOT]/includes/functions.php:3815)
[phpBB Debug] PHP Warning: in file [ROOT]/includes/functions.php on line 4735: Cannot modify header information - headers already sent by (output started at [ROOT]/includes/functions.php:3815)
Grimmauld Place • Exibir tópico - [CASTELO] Sala Vazia

[CASTELO] Sala Vazia

RPs antigas? Histórias que quer rever? Subfórum destinado ao arquivamento dos tópicos de jogo do RPG. Você veio ao lugar certo!

Moderador: RPG

Mensagempor Yuna Urahara » 13/11/07, 13:15

*Yuna ouviu a voz de uma garota ao fundo da sala e ficou surpresa ao ver que aquela garota iniciou uma conversa, achava que ela queria permanecer sozinha*

"- Eu não mordo. Meu nome é Ana. "

*Yuna virou-se para Ana, viu que a garota a encarava, mas Yuna sorriu, queria conversar com alguem, tinha chego aquele dia e tantas coisas haviam acontecido*

-Olá!!! Meu nome é Yuna, muito prazer^^!


*Agora elas não eram mais estranhas e isso dava um certo alivio a Yuna, ela não gostava de ficar sozinha, e sempre é bom fazer novos amigos, este era um dos motivos dela aparecer em Hogwarts antes do inicio das aulas e assim as garotas iniciaram uma conversa*
Professora de Transfiguração

Imagem
Em caso de dúvidas ou reclamações me mande uma MP

Imagem
Clica em mim^^


__________________________________
Spoiler
*ação/narração*
fala Yuna
(pronuncia - tradução)
"pensamento Yuna"
outro personagem
Avatar do usuário
Yuna Urahara
[Professor-RPG]
[Professor-RPG]
 
Mensagens: 94
Registrado em: 06/11/07, 08:40
Cash on hand: 0.00
Localização: Far Far Away^^
Sexo: Feminino
Estado: SP
Casa: Corvinal


Mensagempor Trevor Hallish » 13/11/07, 13:33

Trevor ainda ri da situação. Adentra a Sala Vazia e todas as palavras ditas por Yuna reviram sua cabeça, criando novas conxões neurais. Conexões estas que se fixarão e permanecerão ali por toda a vida. Ele percebe então que Yuna não está mais sozinha. Conversa agora com a garota que estava no canto segurando um colar. Aquele colar... Brilhara no momento exato que Trevor adentrara a sala pela primeira vez... que brilho...

Trevor decide não atrapalhar a conversa. Lembra-se que tem que fazer seu treino para Oclumência, que sua avó recomendara. Ele espera então na porta da sala e inicia mentalmente um exercício.

Nem Yuna nem a garota repararam nele...
________________________________________
Fala Trevor
Fala Trevis
Pensamento Trevor
Pensamento Trevis
Pensamento ?!?
Outros personagens
Traduções
Narração

Imagem
Avatar do usuário
Trevor Hallish
Recebendo a visita de Hagrid
Recebendo a visita de Hagrid
 
Mensagens: 46
Registrado em: 07/11/07, 09:05
Cash on hand: 0.00
Localização: *Never Land*

Mensagempor Nana_zinha » 13/11/07, 13:33

[A garoat se virou para Nana e falou]

["Eu não mordo. Meu nome é Ana"]


- Prazer. Você está no primeiro ano não?
[Apesar de ser simpatica a voz dela era levemente fria, ela se assutou com isso, não sabia por que, mas tinha se acostuamdo a ser assim com quem conhecia pouco, sua vida havia forçada a jovem a ser sempre cautelosa]

- Você está em que casa?

[Ela tentou se levantar, já empé sentio a fraqueza habitual, as pernas tremera e se apoiou na parede para não cair. O colar devia estar perdendo força novamente, não queira ir até a ala já, Renan devia estar ocupado.]

*Droga, quando isso vai acabar. Não vou ficar dependendo dele para ficar viva*
Imagem

Imagem

Aconteça o que for, os bons são eternos. Velhar Guarda ruleia Benhê
Nana, a mais santa(e fofoqueira) da Velha Guarda
Griffa Não tem só que ser phoda, tem que aproveitar e lembrar pra sempre
Avatar do usuário
Nana_zinha
Descobrindo a Câmara Secreta
Descobrindo a Câmara Secreta
 
Mensagens: 412
Registrado em: 13/07/06, 15:55
Cash on hand: 0.00
Localização: perdida em seu olhar, vagando por sua mente
Sexo: Feminino
Estado: SC
Casa: Grifinória

Mensagempor Yuna Urahara » 13/11/07, 13:54

*Yuna notara um tom friu na voz de Ana, mas a garota estava se aproximando, então ela continuou sorrindo, talvez tivesse acontecido algo*

"Pensando bem, ela estava sozinha nesta sala e vai saber por quanto tempo"

"- Você está em que casa?"

*Quando Yuna foi responder a pergunta percebeu que Ana havia perdido o equilibrio, estava muito palida. Yuna se assustou e quando olhou para porta percebeu que Trevor estava ali. Foi correndo em direção a Ana, antes que ela caisse. A garota estava apoiando na parede e Yuna resolveu ajudá-la*

- Trevor 高速 (Trevor hayaku - Rapido Trevor)
-Precisamos tirá-la daqui!!!

*Trevor estava concentrado em algo, mas ao ouvir os gritos de Yuna, perdera totalmente a concentração, olhou para as garotas e foi em direção a elas*
Professora de Transfiguração

Imagem
Em caso de dúvidas ou reclamações me mande uma MP

Imagem
Clica em mim^^


__________________________________
Spoiler
*ação/narração*
fala Yuna
(pronuncia - tradução)
"pensamento Yuna"
outro personagem
Avatar do usuário
Yuna Urahara
[Professor-RPG]
[Professor-RPG]
 
Mensagens: 94
Registrado em: 06/11/07, 08:40
Cash on hand: 0.00
Localização: Far Far Away^^
Sexo: Feminino
Estado: SP
Casa: Corvinal

Mensagempor Nana_zinha » 13/11/07, 14:08

[Yuna se adiantou para perto de Nana e gritou com Trevor, foi quando Nana percebeu que ele estava na porta novamente. yuna pedia por ajuda]

- Não... não precisa - ela respirou fundo - eu estou melhor... foi só um mal-estar.

[Não era verdade, a dor aumentava, e ela sabia exatamente por que, precisava sair dali sem assustar os dois e ir logo até a Ala]

- Estou acostuamda com isso.

[Nana sorriu levemente, se segurando apra não cair e respirando fundo até conseguir se equilibrar novamente]

*droga! por que isso smepre acontece quando estou com que não precisa ver isso. Seja forte, aguente mais um pouco*
Imagem

Imagem

Aconteça o que for, os bons são eternos. Velhar Guarda ruleia Benhê
Nana, a mais santa(e fofoqueira) da Velha Guarda
Griffa Não tem só que ser phoda, tem que aproveitar e lembrar pra sempre
Avatar do usuário
Nana_zinha
Descobrindo a Câmara Secreta
Descobrindo a Câmara Secreta
 
Mensagens: 412
Registrado em: 13/07/06, 15:55
Cash on hand: 0.00
Localização: perdida em seu olhar, vagando por sua mente
Sexo: Feminino
Estado: SC
Casa: Grifinória

Mensagempor Vik » 14/11/07, 22:28

[center]Vik entra na sala com a esperança de ficar sozinha mas logo percebe que tem outras pessoas ali então vê que uma garota embora não queira demonstrar está se sentindo mal
-Vc quer ajuda?
Ao ver que a garota demora pra responder se afasta mais um pouco se vira para a garota e diz:
-Se quiser ajuda pode falar cmg.
*ela se afasta se senta á um canto*
//o que será que ela tem?
vik fica olhando para a garota por um tempo mas depois se distrai e volta pensar no a levara querer ficar sozinha...
*ela tira um pacote de dentro das vestes abre e tira um colar com um pingente em forma de meia lua e uma carta e começa ler parra si*
Filha estou te enviando esse colar para você se lembrar de mim sempre que se sentir só, cuide bem dele!
Ass.:Linny

//Por que será que ela mandou isso?ela nunca foi dessas coisas... *ela ergue o colar a frente dos seus olhos* Tenho quase certeza de que algo a mais nesse colar... *ela continua pensativa olhando para o colar*
Alguns minutos depois quase de um salto ela se levanta.
//Não posso ficar aqui olhando para esse colar.É melhor eu ir andar um pouco...
off-À beira do lago[/center]
Slytherin Pride.


Imagem

"It's much easier to humiliate, degrade, and just generally shit all over someone than it is to admit that you love them."
Vik
Conhecendo A Toca
Conhecendo A Toca
 
Mensagens: 201
Registrado em: 06/11/07, 20:55
Cash on hand: 16.00
Localização: Salão Comunal da Sonserina
Sexo: Feminino
Estado: RS
Casa: Sonserina

Mensagempor Trevor Hallish » 21/11/07, 08:20

Trevor percebe que Yuna e a garota conversam mas alguma coisa está errada. Existe um 'ar' estranho envolto às garotas... Será que devo me aproximar? Yuna não pode contar a mais ninguem sobre o colar....

Quando decide fazer uma abordagem, Trevor é surpreendido pelo apelo de Yuna.

- Trevor 高速 (Trevor hayaku - Rapido Trevor)
- Precisamos tirá-la daqui!!!


A garota estava pálida e perde o equilíbrio. Trevor ajuda a garota e nesse instante entra uma outra garota que fala:

-Vc quer ajuda?
-Se quiser ajuda pode falar comigo.


Ela se afasta e tira um colar de dentro de um pacote... o que será aquele colar... tenho que parar com essa obssessão por artefatos... ou não hehe...

-Vamos Yuna, vamos tirá-la daqui, talvez seja melhor levá-la para a enfermaria.


Yuna se prontifica para ajudar e a outra garota que adentrara momentos atrás, dá um pulo ?!? e sai da sala... Trevor apoia a garota no ombro direito e Yuna no esquerdo e se preparam ir à Ala Hospitalar.

OFF: Próximo post ~ Ala Hospitalar
________________________________________
Fala Trevor
Fala Trevis
Pensamento Trevor
Pensamento Trevis
Pensamento ?!?
Outros personagens
Traduções
Narração

Imagem
Avatar do usuário
Trevor Hallish
Recebendo a visita de Hagrid
Recebendo a visita de Hagrid
 
Mensagens: 46
Registrado em: 07/11/07, 09:05
Cash on hand: 0.00
Localização: *Never Land*

Mensagempor Yuna Urahara » 21/11/07, 09:06

off~~ Finalmente hein Trevor, achei que vc tinha morrido =p

*Yuna percebe que Trevor vem ao auxilio das duas, Yuna sente-se aliviada, porem entra uma garota na sala, ela parece estar meia perdida, mas oferesse ajuda a Ana*

"-Vc quer ajuda?"
"-Se quiser ajuda pode falar comigo."

*Porem Ana continua calada, ela esta tremula e palida, a garota se retira, Yuna apoia Ana em um ombro enquanto Trevor a apoia em outro*

"-Vamos Yuna, vamos tirá-la daqui, talvez seja melhor levá-la para a enfermaria. "

*Yuna olha para Trevor e sorri.*

"Foi bom ter dado um voto de confiança a ele"


-Sim, vamos logo, Ana não está bem.


off~~ prox post ala hospitalar^^
Professora de Transfiguração

Imagem
Em caso de dúvidas ou reclamações me mande uma MP

Imagem
Clica em mim^^


__________________________________
Spoiler
*ação/narração*
fala Yuna
(pronuncia - tradução)
"pensamento Yuna"
outro personagem
Avatar do usuário
Yuna Urahara
[Professor-RPG]
[Professor-RPG]
 
Mensagens: 94
Registrado em: 06/11/07, 08:40
Cash on hand: 0.00
Localização: Far Far Away^^
Sexo: Feminino
Estado: SP
Casa: Corvinal

Mensagempor David Bergerson » 23/11/07, 09:10

David caminhava pelos corredores, pensativo. Talvez devesse ir logo deixar a espada no dormitório, mas.. Ph o havia acompanhado até certa altura; a amiga fora para seu dormitório, mas David resolveu continuar andando.. Já estava no 4º andar. Havia combinado com Ph de se encontrar ali. Não sabia bem por quê. Evitou passar pelo corredor onde estavam Ary e seus amigos.. Ainda estava chateado pela maneira que ela havia lhe falado.

David parou em frente a uma porta que estava aberta. Olhou para dentro dela; era uma sala com algumas carteiras velhas empilhadas. Aparentemente não havia ninguém ali... Resolveu entrar e dar uma olhada. Percebeu que não deveria ter feito aquilo. Mas já era tarde demais. Ouviu a voz do homem. Aquele... que matara seus pais...

- Olá, David! Mais uma vez, veio como um patinho... Mas desta vez, você não irá escapar!

David imaginou que tinha de ser rápido. Enfiou a mão no bolso e retirou a varinha, apontando-a para o homem. Nisso, a espada (que estava de ponta-cabeça por baixo da capa do garoto) escorregou da bainha e caiu no chão. David não teve tempo de juntá-la. Tinha de se concentrar no homem... Porém, antes que tentasse fazer qualquer coisa, o homem disse, apontando rapidamente a varinha para David:

- Nem pense nisso! Ninguém irá ajudá-lo dessa vez!

O homem disse algumas palavras e, num piscar de olhos, a varinha de David se fez em pedaços.. O garoto ficou espantado; pensou em pegar a espada que estava no chão, mas antes disso ouviu o sujeito pronunciar outras palavras. Alguns rápidos feixes de luz começaram a atingí-lo; eram vários, e provocavam cortes doloridos, como se fosse facas afiadas. David não podia se defender; eram rápidos demais. Até que, por fim, David sentiu um impacto tão forte em seu peito, que chegou a cospir sangue pela boca, e foi lançado para trás. Viu os pés do homem se aproximando dele. Era o fim...

O homem levantou David indelicadamente pela capa, e disse, num tom de voz mais frio que o de antes:

- Desista, garoto! Para quê continuar nisso? Ninguém se importa com você mesmo.. Você sabe disso. Nem seus tios, nem seus primos, nem aqueles seus amiguinhos.. Sabe, estão comemorando agora porque você saiu de perto deles... E vão comemorar mais ainda quando notarem que você.. sumiu..

Enquanto o homem falava, David percebeu que se estendesse um pouco o braço direito, poderia alcançar a espada, que estava no chão. Era sua única chance.. E foi o que fez. Alcançou a espada e atingiu a perna do homem, ainda que de raspão (era canhoto; o braço direito não era o "bom"). No entanto, o homem gritou (ou urrou) como se lhe tivessem arrancado fora parte da perna; jogou o garoto de qualquer jeito no chão. David tentou se levantar, mas estava fraco e ferido demais. Enfurecido, o homem chutou a mão de David, fazendo com que a espada passasse pela porta e fosse parar no corredor.

- É o seu fim, pirralho! - disse o homem, e David pôde notar que ele sentia muita dor - Vai morrer aqui.. sozinho. Ninguém vai encontrá-lo.. Ninguém poderá salvá-lo.. Nem aquela maldita espada.. Estão todos na festa... Outros preocupados em encontrar o assassino.. Hahaha.. Adeus.. David.

David imaginou que seria atingido novamente; mas olhou para cima e viu que o homem simplesmente havia desaparecido. Havia ido embora. Por que o odiava tanto? David sabia que ele estava certo.. Ninguém o veria ali. Porém, talvez, se a espada fosse tão poderosa, pudesse.. Pudesse salvá-lo, de alguma forma. Mas estava longe, no corredor..

David fez um esforço enorme, e conseguiu levantar-se. Cambaleando e pingando sangue, caminhou até a saída da sala.. Tinha de alcançar a espada..

Off - No corredor (do 4º andar)... Pq aqui já ficou muito grande.. :shock: :mrgreen:
Avatar do usuário
David Bergerson
Na Copa Mundial de Quadribol
Na Copa Mundial de Quadribol
 
Mensagens: 1114
Registrado em: 19/07/07, 14:47
Cash on hand: 138.00
Localização: Aqui, coisando, obrigado ú_u
Sexo: Masculino
Estado: PR
Casa: Grifinória

Mensagempor ~Fled~ » 23/11/07, 20:36

    Assim que saiu da Floresta Proibida, dirigiu-se decidido para o castelo. Subiu as escadarias muito rapidamente, parecia nem encostar os pés nos degraus. Logo já estava em sua sala, aonde constatou o que tanto temia: novamente cacos de vidro estavam espalhados pelo chão, pedras de ouro, rubis e quartzos jaziam naquele chão de madeira polida e lustrosa. Uma vez que previra aquela cena, deu de ombros e já estava despindo sua fantasia de festa, vestindo uma veste mais apropriada para o que quer que fosse enfrentar dali em diante.

    Entrementes sabia para onde deveria ir, afinal, com as defesas que havia posto no castelo, aquele lugar secreto era a única saída para o suposto suspeito. Então, andou muito rápido pelos corredores do castelo, via-se apenas sua capa enfurnando por onde passava. Logo não tardaria a atingir seu objetivo.

    Uma vez diante da porta da sala vazia, encostou o ouvido ali naquela superfície gelada, na tentativa de ouvir algum ruído lá dentro, mas não percebia nada, então decidiu ficar ali pois, a qualquer momento, o estranho teria de passar por lá.
Avatar do usuário
~Fled~
Conjurando o Patrono
Conjurando o Patrono
 
Mensagens: 700
Registrado em: 26/02/06, 23:02
Cash on hand: 0.00
Localização: Far far away :3
Casa: Grifinória

Mensagempor Raven » 23/11/07, 21:28

    Narração
    Fala
    Pensamento
    Off

    Graças ao tempo que Laine e Archsage a haviam feito perder, Raven não tinha muita noção de por onde começar a procurar quando afinal se viu livre para fazê-lo. Apesar de ter pego parte das forças de Laine, permanecia muito fraca para prosseguir livremente, e apenas quando já desistira de pegá-lo na corrida parou para restaurar o nariz quebrado. Só então se recordou que largara o corpo de Bea caído no chão. Realmente esperava que alguém tivesse recolhido a aluna, mas no momento não havia muito que pudesse fazer senão continuar procurando.

    Sem dar muita atenção ao fato de estar coberta pelo sangue da aluna e por um pouco do seu próprio, disparou em uma meia corrida pelas escadas, procurando repassar mentalmente os trajetos de fuga que pensara para o caso de não ter perdido a Hallow. Se recordou de uma tapeçaria em um andar abaixo que a levava por uma passagem até uma porta na parede externa logo abaixo da Torre de Astronomia, e tomou a direção que a levaria à tal peça.

    Não chegou a concluir seu caminho, quando notou Fled estranhamente com o ouvido em uma porta onde não havia nada de especial à primeira vista. Pensou em retornar e passar sem que ele a visse por outro caminho, mas logo reconsiderou ao recordar-se que ele poderia ser bastante útil – ao contrário do que pensara de Fernandes e Leon. Se aproximando cautelosamente para não assustá-lo, pousou a mão sobre o ombro do professor para atrair sua atenção, com a varinha que pegara de Bea ainda segura em sua mão.


    - Prof. Woodcroft...

    Não continuou, ainda sem saber ao certo se ele estava ou não ciente da morte de Bea. Ainda não tivera oportunidade de verificar se a notícia já se espalhara, apesar de ter notado havia pouco que a festa estava acabada, ao verificar por uma janela. Apenas quando se recordou da passagem que havia na sala em cuja porta estavam, suspeitou que ele sabia do que ocorrera, mas achou melhor esperá-lo se pronunciar antes de prosseguir.
Imagem

.
Avatar do usuário
Raven
Na Copa Mundial de Quadribol
Na Copa Mundial de Quadribol
 
Mensagens: 1032
Registrado em: 03/07/06, 20:51
Cash on hand: 72.00
Localização: Plutão
Sexo: Feminino
Estado: MG
Casa: Corvinal

Mensagempor ~Fled~ » 25/11/07, 13:59

    Mesmo que o silêncio já estivesse incomodando-o, Fled continuou sua investigação. Pensou em ter ouvido alguns sons de passos não muito longe dali. Estava prestes a abrir a porta da sala; pronto para atacar. Sentiu uma mão tocar em seu ombro e virou-se abruptamente para trás, deparando-se com a imagem da tão ensaguentada professora Raven. Olhando surpreso para a mulher, dos pés a cabeça, logo assumiu uma expressão de breve preocupação.

    - Pro-Professora Eiluned... o que houve com a senhora?! Está toda coberta por sangue!

    Olhava para Raven como expressão de profunda surpresa [ :shock: ]. Estendia a mão na iminência de oferecer à ela algum tipo de ajuda, mas não sabia ao certo o que fazer ou como agir, então preferiu cruzar os braços e aguardar uma resposta da bruxa.
Avatar do usuário
~Fled~
Conjurando o Patrono
Conjurando o Patrono
 
Mensagens: 700
Registrado em: 26/02/06, 23:02
Cash on hand: 0.00
Localização: Far far away :3
Casa: Grifinória

Mensagempor Raven » 26/11/07, 13:12

    Narração
    Fala
    Pensamento
    Off

    Não se tocara que Fled perguntaria a respeito do sangue que cobria suas vestes quando se aproximara dele. Pela reação dele, suspeitou que ainda não sabia da morte da aluna. Ou talvez soubesse, o que justificaria a presença dele no Castelo quando a festa deveria estar ainda ocorrendo. De toda forma, se aliviou ao notar a intenção dele que parecia ser de ajudá-la. Pelo menos Meig@ ainda não colocara na cabeça do marido que ela era uma serial killer descontrolada, ou o que quer que Whollf pensasse dela.

    Pigarreou antes de falar, baixando a varinha e o olhando sem qualquer sinal de tristeza quanto ao que dizia. Em verdade, seu tom era tão despreocupado e frio que podia-se notar inevitavelmente que era absolutamente falso.


    - Não se preocupe, não é meu... Pelo menos não a maior parte. Uma aluna foi atacada, você já deve ter ficado sabendo... Pois bem, eu estava junto dela quando faleceu.

    Encostou as costas contra a parede, fechando os olhos devido à exaustão que as forças de Laine não haviam bastado para suprimir. Hesitou por um instante antes de prosseguir, medindo as palavras:

    - O ladrão das Hallows está no Castelo, prof. Woodcroft, mas receio que já saiba disso. Quando soube eu apanhei a Hallow final na sala da ex-diretora, com a intenção de levá-la para outro lugar onde a mantivesse segura. Infelizmente, fui interceptada no caminho por aquele que pretendia roubá-la originalmente. Polkis Winfy havia ficado de apoiar, mas não tenho notícias dele... E a aluna em questão acabou por me distrair e dar a ele a chance de me nocautear. Tolamente, tentou me ajudar em seguida, e bem... Deu no que deu.
Imagem

.
Avatar do usuário
Raven
Na Copa Mundial de Quadribol
Na Copa Mundial de Quadribol
 
Mensagens: 1032
Registrado em: 03/07/06, 20:51
Cash on hand: 72.00
Localização: Plutão
Sexo: Feminino
Estado: MG
Casa: Corvinal

Mensagempor Bea » 27/11/07, 21:02

    Narração
    Fala
    Pensamento
    Outras personagens

    Seu coração ainda batia descompassado. Esperava encontrar algumas dificuldades durante a sua fuga com a hallow, mas entre elas, certamente não se encontravam alunos intrometidos. Pensara que todos estariam na festa deixando assim, os corredores vazios de modo a facilitar-lhe as coisas. De qualquer modo, não importava. Estava cada vez mais longe de sair dali. Ninguém o impediria.

    Subiu uma pequenas escadas rapidamente, limpando com a manga das vestes o suor da sua testa. Sabia que havia ali uma passagem secreta e precisava encontrá-la o quanto antes. No entanto, a sorte não parecia estar do seu lado naquela noite. Primeiro a morte da aluna, depois os alunos intrometidos e agora.. dois professores aparentemente conversando nos corredores. Felicitou-se pela ideia de ter roubado a capa de invisibilidade que o cobria no momento.

    Apontou a varinha aos professores e, antes que pudessem fazer algo, grossas cordas surgiram e os amarraram fortemente. Tirou a capa de invisibilidade, se revelando. Iluminou o rosto dos dois professores para os poder observar melhor.


    - Professora Eiluned e professor Woodcroft. Que surpresa! Não pensei encontrá-los por aqui, principalmente vc, professora. Achei que ainda estaria em estado de choque depois de assistir à morte daquela pobre aluna - a sua voz soou sarcástica - Deveriam ensinar aos alunos desta escola a ser mais prudentes.

    Encostou a varinha ao peito de Fled não resistindo à ideia de que ainda podia se divertir um pouco com aqueles dois. No entanto, um som perigosamente próximo o interrompeu. Outro aluno divagando pelos corredores?

.: B de Bea B de Bolacha :.

Imagem
Raven escreveu:~agarra bolacha com uma mão e trompete com a outra

Imagem
~morde Raven
Avatar do usuário
Bea
Na Copa Mundial de Quadribol
Na Copa Mundial de Quadribol
 
Mensagens: 1227
Registrado em: 24/07/04, 14:40
Cash on hand: 16.00
Localização: Netuno
Sexo: Feminino
Estado: Portugal
Casa: Corvinal

Mensagempor Polkis » 28/11/07, 19:01

Narração
Fala
Pensamento
Outro personagem


    Com Meig@ no seu encalço, Polkis procurava alguma pista de Raven e do principal suspeito do roubo das outras Hallows. Um tanto quanto longe de uma Sala, um vulto iluminado chamou sua atenção. Era ímpossivel que um aluno estivesse divagando pela Sala, mas naquela noite tudo era possível. Puxou Meig@ para mais perto de si e foi até próximo da porta.

    - Galão - murmurou em um volume quase inaúdivel. Talvez a ajuda de seu elfo fosse de grande valia naquele momento. Sabia como os elfos domésticos podiam ser ótimos combatentes em batalha.

    CRAQUE. Galão apareceu ao seu lado, aparatando. O barulho foi alto o bastante para todo o castelo ouvi-lo. Galão não sabia ser discreto com a sua magia, mas isso obrigava Polkis a aparecer. Com a varinha em punhos, surgiu pela porta logo murmurando "Flamen Roto", feitiço que leu mais cedo em um livro de imobilizações.

    A poeira no chão começou a ser movida, rodando em volta daquele sujeito. Aquilo não o deixava fazer movimentos amplos, tampouco jogar maldições. Precisava de concentração para usar aquele feitiço, e girando a varinha no punho ele conseguia deixar o vento vivo. Polkis poderia simplesmente ter usado um Petrificus Totalus ou um Immobilus, mas não achava aquele sujeito à altura de um profissional em duelos. Estava treinando seu arsenal de feitiços.

    Galão, o elfo de Winfy, estava afobado. Seu patrão não tinha dado ordens, o que o incomodava. Dava saltos de um lado para o outro, tentando chamar a atenção. Acabou por pisar no grande pé do professor, que levou um susto e, conseqüentemente, atrapalhar o fluxo de vento em torno do ladrão. Mas o maior problema do susto foi a perda da varinha, que caiu no chão e rolou próximo da onde haviam dois professores presos, que só nesse momento Winfy percebera.

Imagem
Avatar do usuário
Polkis
Com a Pedra Filosofal
Com a Pedra Filosofal
 
Mensagens: 162
Registrado em: 21/07/05, 12:08
Cash on hand: 0.00
Localização: Júpiter
Sexo: Masculino
Estado: PR
Casa: Corvinal

Mensagempor Meig@ » 28/11/07, 23:24

Ação
Fala
Pensamento
Outro personagem
Off


    Após ser arrastada por Polkis para uma passagem secreta - afim de não ficar perdendo tempo naquele momento serio com os alunos que discutiam se eles eram ou não os professores- caminharam pela passagem que era desconhecida pela professora mas ela era bem útil.

    Ao saírem da passagem, passaram por alguns corredores ate ouvirem alguns barulhos estranhos, O professora então puxou-a para próximo dele, ela não entendeu nada. Começaram a caminhar discretamente o suficiente pra Meig@ ouvir alguém falar


    Professora Eiluned e professor Woodcroft. Que surpresa! Não pensei encontrá-los por aqui, principalmente você, professora. Achei que ainda estaria em estado de choque depois de assistir à morte daquela pobre aluna. Deveriam ensinar aos alunos desta escola a ser mais prudentes.

    Céus...Reven e...e.., acalme-se ficar nervosa não adianta nada.. concentre-se


    Respirou fundo, e se concentrou no que acontecia ao redor, era ele o causador de toda a desgraça que estava acontecendo em Hogwarts, sua concentração foi quebrada por um estalo alto e nada discreto perto dela.


    Olhando para Polkis e para o elfo com desgosto, o elfo estava eu forico e o professor concentrado. Porem a concentração dele durou pouco pois levou um belo pisão no pé do elfo. Meig@ não tinha sido a unica que notar o barulho, alguém agora parecia estar vindo na direção deles mas o Professor desastradamente estava agora desarmado.

    Por estar por trás de professor sua presença não foi notada, rapidamente criando um feitiço de desilusão, saiu de trás do professor e sem ser notada passou pelo ladrão que agora tinha o rosto descoberto, Meig@ ficou espantada ao vê-lo pensou em fazer algo, mas três contra um seria mais vantagem.

    Sorrateiramente se aproximou de Fled e de Raven, acariciou a face do marido, sacou a varinha e com um feitiço não falado fez com que as grossas cordas afrouxassem, fazendo-a cair aos pés de ambos, então retirou o feitiço de desilusão.

    Com um sorriso preocupado encarou-o, e logo em seguida olhou para as vestes de Raven e na mesma hora entendeu quando o ladrão dissera: "Achei que ainda estaria em estado de choque depois de assistir à morte daquela pobre aluna".

    Aproximou-se de Fled e sussurrou


    O que aconteceu por aqui? como ele capturou vocês?
Imagem
Avatar do usuário
Meig@
Conhecendo os Marotos
Conhecendo os Marotos
 
Mensagens: 697
Registrado em: 19/09/05, 14:32
Cash on hand: 6.00
Localização: Em algum lugar .. mas sempre de olho em você...
Sexo: Feminino
Estado: SP
Casa: Grifinória

Mensagempor Bea » 29/11/07, 20:23

    Narração
    Fala
    Pensamento
    Outras personagens

    Antes de ter tido tempo para fazer alguma coisa, outro professor surgiu murmurando umas palavras que não conseguiu compreender. No entanto, os efeitos foram imediatos. A poeira do chão começou a rodar à sua volta, o impedindo de se mover. Quase em desespero começou a sentir-se sufocar. Chegou começava a pensar que era seu fim e que não havia nada que pudesse fazer quando, tão depressa como tinha começado, o vento de poeira terminou e ele pode finalmente mover-se. Respirou profundamente, grato por conseguir levar ar aos pulmões e percebeu, satisfeito, que Polkis perdera sua varinha.

    Era melhor não perder mais tempo. Com um movimento complexo da varinha, atacou Polkis. O bruxo se desviou agilmente, mas não rápido o suficiente para evitar que um profundo corte surgisse no seu ombro esquerdo. Uma mancha de sangue surgiu nas vestes do professor. Praguejou alto. Sua ideia não era fazer um machucado de nada e sim deixá-lo incapaz de lhe causar mais problemas.

    Desviou sua atenção para os dois professores que supostamente estariam amarrados e deu um passo atrás, surpreso, ao constatar que já não estavam amarrados e que a professora Meig@ surgira, aparentemente do nada.

    Estava em desvantagem. Teria poucas, ou nenhumas, chances contra quatro bruxos. Moveu a varinha rapidamente e uma neblina surgiu, impedindo os professores de o verem. Abriu a porta de uma sala, a trancando de seguida. A sala estava completamente vazia, apenas com algumas carteiras arrumadas num canto. Bateu com a varinha 5 vezes na parede, murmurou algumas palavras e a parede se moveu, surgindo uma passagem. Sem hesitar entrou correndo o mais depressa que possivel.


    Quero ver me pegarem agora... Idiotas!

.: B de Bea B de Bolacha :.

Imagem
Raven escreveu:~agarra bolacha com uma mão e trompete com a outra

Imagem
~morde Raven
Avatar do usuário
Bea
Na Copa Mundial de Quadribol
Na Copa Mundial de Quadribol
 
Mensagens: 1227
Registrado em: 24/07/04, 14:40
Cash on hand: 16.00
Localização: Netuno
Sexo: Feminino
Estado: Portugal
Casa: Corvinal

Mensagempor ~Fled~ » 29/11/07, 20:59

    Olhava para a colega ainda com a mesma expressão de surpresa, afinal não é todo dia que se vê alguém ensangüentado perambulando por Hogwarts – com exceção de alguns alunos que nem sempre saiam da maneira mais desejável de determinadas aulas.

    Atento a cada palavra de Raven, o professor começou a associar os fatos, por ela contados, com aquilo já quase havia deduzido por conta própria. Por um breve momento pensou em sugerir que ambos fossem até a ala para que a mestra pudesse receber algum atendimento adequado para seu estado. Contudo, as afirmações de Raven pareciam ficar cada vez mais graves e, portanto, logo aquela idéia havia sumido da mente de Fled. Voltando-se para ela, diria:

    - Por Godric!! Eu bem imaginei que algo bem estranho estivesse acontecendo por aqui... Sim, presumi a morte de uma aluna, pois a mesma apareceu no local da festa há pouco; ela parecia saber de alguma coisa. A senhorita saberia me dizer prof... – iria completar a frase, não fosse o fato de ter visto uma enorme corda voando na direção de ambos, sacou a varinha habilmente para tentar impedir – Eva... – tarde demais.

    Fled não conseguira executar o feitiço para ajudá-los, pois logo se viu batendo de frente com Raven. A boca dele agora apresentava um sutil filete de sangue, resultado do impacto que tivera com a cabeça da professora.

    Brevemente atordoado, Fled não conseguira focalizar de maneira adequada a face do atacante. Porém, ouviu alguma voz grave e sarcástica dirigir-se aos dois caídos. Sentiu que o dito cujo parecia dirigir-se diretamente à Raven.

    Ouvira alguns passos não tão distantes dali, então logo deduziu que não estavam a sós. Entretanto, seu maior temor era de que fosse mais um grupo de alunos. Mas, desta vez não o era.

    Polkis apareceu de algum lugar atrás de uma parede, mas estava desarmado ou não sabia como reagir, pelo que aparentava. Sentindo as cordas se afrouxarem sob seu corpo, olhou para trás em tempo de ver sua esposa reaparecendo após um feitiço de desilusão. Não teriam tempo de se falar muito, não naquela situação. Então Fled levantou-se rapidamente e fez menção de apanhar a varinha novamente, mas não a encontrava. Novamente perdera tempo demais, pois agora via apenas a capa do estranho enfurnando para dentro da sala vazia. O professor desatou a correr atrás do homem também, porém o mesmo havia trancado a porta e, agora, Fled fazia tentativas frustrantes de destrancá-la sem usar magia.
Avatar do usuário
~Fled~
Conjurando o Patrono
Conjurando o Patrono
 
Mensagens: 700
Registrado em: 26/02/06, 23:02
Cash on hand: 0.00
Localização: Far far away :3
Casa: Grifinória

Mensagempor Raven » 29/11/07, 21:27

    Narração
    Fala
    Pensamento
    Off

    Se surpreendeu ao escutar a menção de Fled à presença de Bea na festa, acreditando que não entendera bem o que ele quisera dizer, mas não chegou a ter tempo de questioná-lo. Da forma que estava parada, sequer teve chance de esboçar uma reação quando grossas cordas os amarraram. Sua primeira preocupação foi ter deixado cair a varinha, mas logo notou que na prática isso não faria muita diferença: Não conseguiria se mover o suficiente para se soltar, mesmo que a tivesse.

    Sem ter como reagir de forma alguma, apenas cerrou os dentes fortemente enquanto observava a varinha do bruxo no peito de Fled, aguardando o que parecia ser inevitável naquele momento. Logo um som próximo atraiu sua atenção, porém, e aparentemente também a do bruxo. Buscou a fonte do som, mal acreditando quando Polkis Winfy surgiu na porta, envolvendo o adversário com um feitiço do qual ele dificilmente se livraria.

    Seu alívio não durou muito, pois logo uma típica trapalhada Polkiana fez com que o feitiço se desfizesse e o professor perdesse a varinha. Frustrada por não poder fazer nada ante uma situação pelo que lhe parecia ser a milésima vez aquele dia, não notou Meig@ se aproximar até que notou algo semitransparente junto a Fled.

    Já ia reclamar do fato de a bruxa querer explicações no meio da confusão quando neblina encheu o ar por todo o corredor, incapacitando-a de ver meio metro à frente de seu rosto. Ao lado da porta, porém, pode notar a movimentação quando ela foi trancada. Se livrou do resto das cordas, indo direto onde vira a varinha cair e chamando Polkis enquanto empurrava Fled – que tentava estupidamente arrombar a porta com as mãos – no chão com um aceno da varinha e a apontava para a maçaneta.


    - Winfy, rápido, não podemos deixá-lo fugir! Ianua Pessum’ire!

    Sabia perfeitamente que um simples alohomora deveria bastar, mas sentiu um certo alívio ao ver a porta ser arrancada das dobradiças como que movida por uma explosão, atravessando toda a sala antes de se estourar contra a parede oposta. Entrou correndo, satisfeita em ver que a neblina se dissipara ligeiramente com a nova entrada de ar. Correu até a passagem que já se fechava, tentando forçá-la a se abrir com as mãos e com a varinha.

    Sem saber qual feitiço tornaria a abri-la, fez uma cadeira voar e travar a entrada aberta logo que conseguiu uma brecha suficiente para passar logo a saltando e correndo pelo corredor em busca do homem. Não cogitou esperar pelos outros, embora escutasse passos que supunha pertencerem a Polkis logo junto de si. Tudo o que queria no momento era arrancar pela boca os rins daquele sujeito... Literalmente. Em sua ânsia por apanhá-lo, quase se convencia que mesmo o poder da Hallow não seria vantagem para ele quando afinal o apanhasse.
Imagem

.
Avatar do usuário
Raven
Na Copa Mundial de Quadribol
Na Copa Mundial de Quadribol
 
Mensagens: 1032
Registrado em: 03/07/06, 20:51
Cash on hand: 72.00
Localização: Plutão
Sexo: Feminino
Estado: MG
Casa: Corvinal

Mensagempor Polkis » 01/12/07, 16:06

Narração
Fala
Pensamento
Outro personagem


    Ao mínimo movimento sabia que aquele homem o faria morrer. Tentaria conversar? Se desse um pulo ou tentasse convocá-la ele o atingiria antes mesmo de Polkis pensar no que fazer. Meig@ podia ser mais útil ao invés de ficar sussurando com os prisioneiros e talvez falar um pouco mais baixo. O sujeito atacou e Polkis rapidamente desviou-se, sendo atingido de raspão no seu ombro.

    Pelo menos Meig@ chamara a atenção do homem, que percebeu a desvantagem vasta e fugiu deixando para trás uma neblina. Ninguém atingiria Polkis Winfy sem pagar caro por isso. O sangue escorria rapidamente, não sabia se o homem tinha feito algum feitiço mais drástico, mas se continuasse daquele jeito logo não teria mais sangue em seu corpo. Pegou a varinha no chão enquanto via os outros professores tomarem suas posições de combate. Apontando para seu machucado, murmurou algumas palavras bem escolhidas e surgiu uma espécie de pele em cima do ferimento. Por sorte atingiu o ombro esquerdo, se fosse o direito seus feitiços sairiam prejudicados.

    Era o máximo que poderia fazer no momento e em seu íntimo sabia que era o bastante para ficar vivo. Ouviu a voz de Eiluned, mas não decifrou o que ela queria. Ouviu uma explosão e percebeu uma abertura onde lembrava que tinha uma porta.


    "Não precisava de tanto... Aparecida", pensou Polkis, enquanto corria no encalço de quem imaginava ser Raven. Até onde conhecia a professora, sabia que era a mais determinada dos quatro. Determinada a matar. Seu ombro doía, mas não o bastante para se fazer de coitado.
Imagem
Avatar do usuário
Polkis
Com a Pedra Filosofal
Com a Pedra Filosofal
 
Mensagens: 162
Registrado em: 21/07/05, 12:08
Cash on hand: 0.00
Localização: Júpiter
Sexo: Masculino
Estado: PR
Casa: Corvinal

AnteriorPróximo

Voltar para Arquivo de RPs

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 2 visitantes