[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Notice: in file [ROOT]/includes/session.php on line 2199: Array to string conversion
[phpBB Debug] PHP Warning: in file [ROOT]/includes/functions.php on line 4731: Cannot modify header information - headers already sent by (output started at [ROOT]/includes/functions.php:3815)
[phpBB Debug] PHP Warning: in file [ROOT]/includes/functions.php on line 4733: Cannot modify header information - headers already sent by (output started at [ROOT]/includes/functions.php:3815)
[phpBB Debug] PHP Warning: in file [ROOT]/includes/functions.php on line 4734: Cannot modify header information - headers already sent by (output started at [ROOT]/includes/functions.php:3815)
[phpBB Debug] PHP Warning: in file [ROOT]/includes/functions.php on line 4735: Cannot modify header information - headers already sent by (output started at [ROOT]/includes/functions.php:3815)
Grimmauld Place • Exibir tópico - Dedosdemel

Dedosdemel

RPs antigas? Histórias que quer rever? Subfórum destinado ao arquivamento dos tópicos de jogo do RPG. Você veio ao lugar certo!

Moderador: RPG

Re: Dedosdemel

Mensagempor Severus A. » 08/09/10, 19:43

Viiu toda a confusão se desenrolar e escutou muito claramente o que Sarah havia falado para Daniel interpretando incorretamente o movimento de seu braço em direção ao dela. Trouxas...Resolveu ajudá-la se aproximou de onde estava caida com chocolates toda suja e pegou sua mão e a fez levantar gentilmente jogando para o lado as várias caixas que haviam caido. Ao levantá-la completamente aproximou-se do seu ouvido e sussurrou:

-Não tenho nada contra você , só estava me divertindo prometo não fazer nada e não tem nada demais na barra, Daniel só queria pegar sua mão novamente, mas ficou com vergonha, espero que não tenha ficado com ódio de mim.- falara espontaneamente, sem frieza nenhuma, quando estava falando em particular com alguém sempre fizera esse tom, como se não tivesse de ficar com a defesa ligada.Rodrigues então começou a colocar as caixas que não haviam sido abertas em suas respectivas prateleiras.

OFF: sarah o meu personagem só estava brincando, ele nãoé multi personalidades

OFF² : eu postei antes a mesma mensagem mas n aparece ! então postei denovo !
(editando o post do Rodrigues: parece que é um problema com o 20º post - que vira a página)
Kurt/Blaine
Find more details and items in the profil of the user

Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Avatar do usuário
Severus A.
Conjurando o Patrono
Conjurando o Patrono
 
Mensagens: 772
Registrado em: 21/06/10, 19:43
Cash on hand: 2,435.00
Localização: Em nárnia, espalhando a noticia sobre a primeira piada e a história de criação de Nárnia uú
Sexo: Masculino
Estado: RJ
Casa: Corvinal


Re: Dedosdemel

Mensagempor Kimdin » 08/09/10, 20:23

Kim estava em seus devaneios olhando para cima na estante , quando avistou sua amiga gabione perto, discutindo ainda o caso do 'salvamento', olhando para gabione Kim deu um sorriso amarelo amistoso, como se ainda tivesse visto aquele cena na cabana da guarda caças.
- O que acham de irmos a outro lugar? Cansei de ficar aqui. Sempre ouvi falar do 3 Vassouras? Vocês topam? -disse Gabione, mais Kim não queria sair dali agora,estava estasiado e faminto por um chocolate fresquinho, direto da caixa. Kim avistou Sarah indo em sua direção, aborrecida com algo, pela cara dela, deveria ser por alguma coisa que alguem á fez.
- Ah, oi Kim. Acho que a Gabi falou alguma coisa ali que eu não ouvi direito. Era pra ir para o... como é mesmo? Três Vassouras? Era isso, Gabi?-disse sarah chegando perto de gabi e kim, quando ia responder, sarah cortou o ar continuando a falar.-Acho que podemos ir lá sim, só queria comprar algumas coisas e... Olha! Sarah apontou para a prateleira fora do alcance cheia de caixinhas Caldeirões de chocolate meio amargo instantâneos. Me disseram que é o jeito mais gostoso de beber chocolate quente.Kim olhou para cima, aquela mesma caixa que estava olhando, Sarah falará dela agora, antes mesmo de pensar, Kim viu sarah sacar a varinha exclamando- Accio caixinhas!-Logo após essa palavra... Kim se sentiu completamente amarrotado de caixas e de chocolates, estava completamente sufocado, não sabia oq fazer, estava com muitas caixas encima de si, e logo, sacou a varinha e exclamou o primeiro feitiço q lhe virá na cabeça.
arg... Ascendio !-Exclamou o feitiço, logo foi lançado para cima, indo em direção da escada, quando se viu, kim estava grudado em uma parede de alcaçuz e chicletes grudados, não conseguia tocar o chão, pois suas vestes estava grudada na parede... em uma espécie de cola super bond de alcaçuz e chiclete, pois, o feitiço que o lançou, foi forte demais, o prensou na parede.

off : Q to superbondado na parede HAHAHA


Mas não faz sentindo falar com pessoas que têm um lar, elas não têm ideia de como é procurar segurança em outras pessoas, procurar um lar onde você possa descansar a cabeça.

Imagem

Toda noite eu costumava rezar para achar pessoas como eu - e finalmente achei - na estrada. Não tínhamos nada a perder, nada a ganhar, nada que desejássemos mais - exceto transformar nossas vidas em uma obra de arte.Viva rápido. Morra jovem. Seja selvagem. E se divirta.
Find more details and items in the profil of the user

Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Avatar do usuário
Kimdin
Descobrindo a Profecia
Descobrindo a Profecia
 
Mensagens: 2030
Registrado em: 22/06/07, 11:21
Cash on hand: 1,204.00
Localização: No mundo Surreal da BabyDoll *-*
Sexo: Masculino
Estado: SP
Casa: Lufa-lufa

Re: Dedosdemel

Mensagempor atackardia » 08/09/10, 21:41

Andou pelas ruelas de Hogsmeade sem notar qualquer um que passasse do seu lado. Angelina estava pensativa, "ocupada". Havia muitas coisas confusas em sua cabeça. Dentre elas, o fato recente de conhecer um amigo de seus queridos pais, ja falecidos. Um professor... quem diria. Riu discretamente relembrando da atitude do homem.

Adentrou em uma loja - que nem fizera questão de saber qual era - e parou repentinamente, observando o caos envolvendo alguns jovens. Aquilo era uma brincadeira? Trote? Só podia ter trouxa envolvido. Sorri debochadamente ao ver o rapaz preso na parede. Divertia-se e não iria fazer nada para ajudá-lo, obviamente.

Olhou mais adiante e viu mais movimentação. Caminhou graciosamente, desviando e pulando da sujeira até chegar aos coleguinhas. Postou-se perto deles, quieta, apenas com um sorriso malicioso estampado no rosto.
Imagem

Imagem
Avatar do usuário
atackardia
Com a Pedra Filosofal
Com a Pedra Filosofal
 
Mensagens: 116
Registrado em: 18/05/10, 23:09
Cash on hand: 649.00
Sexo: Feminino
Estado: SP
Casa: Sonserina

Re: Dedosdemel

Mensagempor Regina McGonagall » 08/09/10, 22:14

Logo ao abrir a porta da loja, Regina McGonagall ouviu um feitiço convocatório:

- Accio caixinhas!

Claro que o resultado de tal feitiço tão pouco específico foi desastroso, embora engraçado. Muitos dos jovens em volta riam, alguns disfarçadamente, outros nem tão discretos.

percebeu que uma garota fora praticamente coberta por chocolate meio amargo instatâneo, enquanto outro aluno tentava escapar da avalanche com mais um feitiço mal formulado.

- Grande Dama! - exclamou, enquanto sacava a varinha.
Um dos garotos já erguia a menina, dizia-lhe alguma coisa e depois se preocupava em recolocar as caixinhas no lugar, sem se preocupar em ajudar a colega a se limpar.

- Meninos! Sempre esquecem detalhes como esse! - ela riu consigo.

Enquanto isso, o garoto que dissera o outro feitiço permanecia colado à parede, coberto de chicletes e alcaçuz.

- Evanesco! - ela exclamou, apontando a varinha para a sujeira no chão.
Então, concentrou-se nos dois alunos, envolvendo a ambos num só floreio de sua varinha e um silencioso "Limpar", associado a um "levitacorpus" dirigido ao garoto da parede.

Ele pousou levemente no chão, comandado pela varinha da Ministra, mas ainda parecia zonzo pelo susto.

- Tudo bem com você... Kim? - ela ouvira uma das garotas gritar seu nome. - e com você? - ela perguntou para a menina, que olhava para si mesma como se não acreditasse ter ficado livre de todo o chocolate. - O cheiro do chocolate não sumiu totalmente, mas é agradável, não é? E onde estão os responsáveis por essa loja?

Ela olhava em torno, querendo saber onde foram parar os atendentes. Se era assim que os lojistas de Hogsmead agiam atualmente, deixando as lojas à mercê das crianças, então ela podia esperar tudo!


===
off: eu precisava de um bom motivo pra entrar. desculpem meu jeito "Molly Weasley" de ser...
Regina McGonagall
Ministra da Magia


Imagem
***
Clique aqui para me mandar uma coruja

RPG
Narração
Fala
Pensamento
Outros personagens


Imagem
Avatar do usuário
Regina McGonagall
Ministra da Magia
Ministra da Magia
 
Mensagens: 1025
Registrado em: 05/01/05, 15:56
Cash on hand: 9,786.00
Localização: Ministério da Magia, claro!
Sexo: Feminino
Estado: MG

Re: Dedosdemel

Mensagempor Sarah Burton » 08/09/10, 22:50

Sarah estava ficando sem ar debaixo daquelas caixinhas. Na certa, era apenas uma coisa psicológica, mas, ainda assim, sentia que iria morrer. Se não de esmagada, de vergonha. De repente, no fim do túnel, sentiu uma mão firme segurá-la e resgatá-la do fundo do mar de caixas. Era um aperto gentil e firme, o que fez seu coração palpitar. Seria ele? Seria Daniel o seu herói? Tá, atá para uma tapada aquilo soaria romântico demais. Mas quando a luz se fez e estava de pé, mais uma vez, olhava boquiaberta para seu salvador.

*Rodrigues?*

Seu choque era tanto que não conseguia sequer falar nem se mover. Estava segurando as mãos do garoto, como estivera antes com o Daniel. De repente, o garoto estava no pé do seu ouvido, sussurrando coisas que ela teve que se concentrar para entender. Ainda estava surpresa com tudo aquilo. Nem podia imaginar o que as outras pessoas estavam imaginando daquela cena toda.

-Não tenho nada contra você , só estava me divertindo prometo não fazer nada e não tem nada demais na barra, Daniel só queria pegar sua mão novamente, mas ficou com vergonha, espero que não tenha ficado com ódio de mim.

Sua fala não era fria e ele não estava com aquele olhar jocoso de antes. Parecia um cara legal. Ele começou a arrumar as caixas que não estavam abertas em suas respectivas prateleiras e Sarah ficou meio com cara de idiota olhando para ele.

*Eu... eu não entendo. Ele... eu pensei que ele... o que foi que ele disse mesmo? Nada contra mim... não tem nada demais na barra... Ai, Merlim, como é que ele ouviu o que eu falei pro Daniel?? Eu sussurrei!*

Imediatamente sentiu seu rosto corar de vergonha. Tinha sido injusta com o sonserino, mais uma vez. Parecia que estava destinada a ser injusta com ele. Então encarou Daniel.

*O que ele disse mesmo sobre ele? Minha mão? O que tem minha mão? Oh, Merlim! O garoto acha que eu odeio ele. Mas eu achei que ele era um chato... ele não é um chato? Ai, que droga! E eu achando que o Daniel ia me salvar dali... mas até o Rodrigues foi mais rápido. Como eu sou idiota. Será que estou confundindo tudo? Isso me deixou tão confusa...*

Ainda com vergonha e salpicada de chocolate e feijõezinhos de todos os sabores, falou para o garoto.

- Er... obrigada, Rodrigues. De verdade. Eu... sinto muito... eu sou meio... eu errei, sinto muito. Você me ajudou e... obrigada. Mesmo.

Só então a garota viu Kim grudado numa parede de alcaçuz e chiletes.

- Oh, Merlim!!! Kim, você está bem??

Puxou sua varinha e pensou duas vezes. Era muito desastrada.

- Alguém pode ajudar aqui? - e atravessou o mar de caixinhas para alcançar o colega - Alguém viu a Gabi? Ela estava aqui agorinha! Gabi!! Gabi!!

Mais alguém estava por perto, uma outra sonserina que Sarah não conhecia tinha um sorriso malicioso no rosto. Era a mesma cara que ela sempre via no Rodrigues, mas parecia que aquilo não era sinônimo de ser alguém chato. Era só um jeito sonserino de ser.

De repente, ouviu alguém dizer um feitiço atrás de si. Logo pensou que era a dona do lugar, mas ela parecia estar escondida atrás do balcão com uma cara boquiaberta em choque pela bagunça e encarando a pessoa que estava ali agora. Sentiu seu rosto queimar. Só poderia ser o diretor da escola. Estava perdida. Seria expulsa. Olhou para o outro lado a tempo de ver uma varinha apontada para si. Fechou os olhos.

A mulher misteriosa falou o com paciência com o amigo lufo dela e Sarah entendeu que não poderia estar morta. Abriu os olhos quando a mulher com vestes roxas a encarava.

- e com você?

Sarah parecia ter acordado de algum devaneio. Olhou para suas vestes que estavam limpas e tocou seu cabelo, que não estava viscoso. Estava boquiaberta.

- O cheiro do chocolate não sumiu totalmente, mas é agradável, não é? E onde estão os responsáveis por essa loja?

- Eu... eu acho que ela está atrás do balcão, senhora. Mas... mas... a senhora é... é a...

Sarah estava abismada. Nunca pensou na vida que encontraria aquela mulher. A bruxa mais poderosa de todas, foi assim que lhe foi explicado pelo trouxa, pai de sua amiga. Afinal, eles deviam ter algum tipo de relacionamento. Mas ela não saberia dizer se seria prudente mencioná-lo ou não. Quer dizer, o que interessaria a ela saber que Sarah era a amiga pobre da filha do Primeiro Ministro Trouxa? Sarah nem era importante ou coisa assim. Só brincava com a menina para ela não ficar sozinha no início e fez uma amizade que lhe rendeu uma bolsa de estudos em um grande colégio de Londres.

Off: demorei, mas postei
Rodrigues me pressionando pra postar T.T Depois de 8 MPs a gente se entendeu.
A Sarah tem um novo heroi? huauhahuahua Tadinho do Daniel.
Tive que reescrever. Oi, dona Regina. Na minha ficha eu conheço o primeiro minitro trouxa pq meus pais trabalham como funcionários do ministerio.
RPG: narração - fala - pensamento - outros - off


ImagemImagemImagemImagem
Imagem
█ ▌▐▌█▌▌▐▐▌▌███▐
status para ser diva : Autorizado.
Avatar do usuário
Sarah Burton
Com a Pedra Filosofal
Com a Pedra Filosofal
 
Mensagens: 98
Registrado em: 01/05/10, 17:36
Cash on hand: 455.00
Sexo: Feminino
Estado: SP
Casa: Lufa-lufa

Re: Dedosdemel

Mensagempor Severus A. » 08/09/10, 23:10

Sim sim tudo estava de acordo com seu plano..talvez. Prestou atenção em tudo que ocorria e se assustou um pouco ao ver a primeira ministra entrar pelas portas daquele lugar e limpar / salvar os dois lufanos, Rodrigues se abismara , mas nada demonstrou.E como se nada tivesse acontecido voltou ao olhar e frieza normal. Quando terminou de colocar as poucas caixas que ainda estavam inteiras se virou e percebeu que se encontrava uma sonserina no minimo interessante. Tinha aquele mesmo olhar arrogante, um sorriso malefico. Rodrigues já estava criando hipóteses.Se afastou de onde estava Saarah mas não sem antes sussurrar "espero que não esteje com raiva de mim, e espero que tenha gostado de eu ter sido seu herói" ,aproximou da sonserina e falou :

-Ora..ora.ora outra sonserina ? -sorriu de canto de rosto, um sorriso eu sou fod* e você não é, passou para se postar ao mais perto dela e disse bem baixo- eu conheço esse sorriso, planejando algo ? adoraria participar sem envolver é claro Sarah e Daniel -apontou discretamente para os dois.Falando mais alto diz -Prazer meu nome é Rodrigues Whistilla,já ouviu falar de minha familia ?- e dirigindo-se a primeira ministra (?)diz - olá, não imaginava encontrar nessa época do ano em uma vila ..algo sério esta acontecendo..primeiro a evacuação de Hog depois o a primeira ministra tão próxima de Hog, sem disfarces...- falara tudo um quase sussurro mas auddivel e aumentando o tom- Prazer meu nome é Rodrigues Whistilla
Editado pela última vez por Severus A. em 09/09/10, 07:57, em um total de 1 vez.
Kurt/Blaine
Find more details and items in the profil of the user

Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Avatar do usuário
Severus A.
Conjurando o Patrono
Conjurando o Patrono
 
Mensagens: 772
Registrado em: 21/06/10, 19:43
Cash on hand: 2,435.00
Localização: Em nárnia, espalhando a noticia sobre a primeira piada e a história de criação de Nárnia uú
Sexo: Masculino
Estado: RJ
Casa: Corvinal

Re: Dedosdemel

Mensagempor atackardia » 09/09/10, 00:38

E quando todos menos esperavam, surge como um clichê de super heróis, a adoravel presença da Ministra. Endireitou-se, arrumando as vestes e desembaraçando as pontas dos cabelos com os dedos, afinal de contas, era uma autoridade ali.

Deu alguns passos para frente - já com uma expressão séria e atenta - observando todos. Eis que, um sonserino lhe interrompe. A principio, não gostou nada do sorriso impetulante e da aproximação em que ele tomara.

- Ora..ora.ora outra sonserina ? Eu conheço esse sorriso, planejando algo? Adoraria participar sem envolver é claro Sarah e Daniel.

Permaneceu séria, seguindo o olhar para onde o rapaz apontara. Viu uma menina, mas na verdade, o que lhe chamara a atenção fora o garoto. Corou, mas logo voltou a atenção para o sonserino.

- Prazer meu nome é Rodrigues Wihistilla, já ouviu falar de minha família?

Wihistilla... Wihistilla... Mas que diabos de nome é esse? Coçou a cabeça, distraída, tentando se lembrar dos nomes de famílias nobres que seu pai adotivo mencionara. Nada...

- Olá, não imaginava encontrar nessa época do ano em uma vila... Algo sério esta acontecendo... Primeiro a evacuação de Hog depois o a primeira ministra tão próxima de Hog, sem disfarces...

Mordeu o lábio inferior enquanto o garoto falava. Estava certo, algo acontecia.

- Prazer meu nome é Rodrigues Whistilla.

Lançou um olhar desconfiado para a Ministra. Não iria se dirigir a ela, mesmo que sua língua ardesse para comentar algo sobre. Planejou uma fuga, mas sabia que algo interessante estava por vir, então, antes de se afastar da movimentação, postou-se atrás do sonserino e murmurou:

- Prazer, Whistilla. Sou Van Tassel, Angelina Pietra Van Tassel. Não conheço sua familia, mas adoraria saber como ela é. E a propósito, por hora não planejo nada. - deu um sorrisinho e em um tom mais baixo continuou - Prometo que lhe chamarei quando for assassinar alguém.

Deu as costas e saiu da loja. Quem sabe mais tarde ela voltaria...
Editado pela última vez por atackardia em 28/09/10, 14:44, em um total de 1 vez.
Imagem

Imagem
Avatar do usuário
atackardia
Com a Pedra Filosofal
Com a Pedra Filosofal
 
Mensagens: 116
Registrado em: 18/05/10, 23:09
Cash on hand: 649.00
Sexo: Feminino
Estado: SP
Casa: Sonserina

Re: Dedosdemel

Mensagempor Gabione » 09/09/10, 00:42

Gabi tinha gostado de conhecer o pessoal, Sarah parecia não simpatizar muito com Rodrigues. Também parecia que o garoto gostava de perturbá-la.

Então foi para a fila contente com suas aquisições.
Tinha convidado os amigos a sair da loja para ir ao 3 vassouras, ouvira tanto falarem daquele lugar.
Mas o pessoal parecia um tanto entrertido nas conversas e nos doces.

Era sua vez de pagar os chocolates e logo tinha completado seu ciclo dentro da loja, mas ainda não sabia se o pessoal queria acompanhá-la ao 3 vassouras.
Quando ouviu Sarah falar:

- Ah, oi Kim. Acho que a Gabi falou alguma coisa ali que eu não ouvi direito. Era pra ir para o... como é mesmo? Três Vassouras? Era isso, Gabi? - falou alto para que a amiga na fila pudesse ouvir.

- Isso, espero vocês lá fora, pode ser? Estou tumultuando aqui...

Ela estava próxima a porta da saida, quando um rapaz que não conhecia trombou nela. Não o conhecia, mas tinha cara de quem não estava fazendo boa coisa.
Gabi saiu da loja e ficou do lado de fora esperando. Ela estava intrigada com o tal rapaz, realmente não simpatizara com ele.
Voltou os olhos para Sarah e Kim, a amiga fazia movimentos com a varinha e Gabi ficou quando teria desenvoltura para fazer o mesmo... logo voltou a procurar o tal rapaz que não simpatizara. Ficou procurando por ele dentro da loja, mas então tudo pareceu uma bagunça. Tinha caixinha de chocolate voando para tudo quanto era lado.

Parecia ter a desenvoltura de sua amiga que causara aquilo. Gabi ficou um tempo sem saber como agir e decidiu que ia entrar para tentar ajudar de alguma forma. A loja estava TOMADA de caixinhas.
No momento que foi entrar, cruzou com ele. O tal garoto que não tinha ido com a cara.
Ele tinha um sorriso maroto de quem estava aprontando. Será mesmo que tinha sido Sarah a causar toda a confusão?

A vontade de segui-lo era enorme, queria tanto saber o que ele estava aprontando.
Então, viu algo como fogo dentro da loja e decidiu que era hora de entrar.

Mas nesse momento, uma mulher passou correndo por ela.

- Accio caixinhas!

Gabi entrou em seguida e não conseguiu segurar um leve riso. Ela sabia quem estava ali, mas por mais encantada que estivesse em ver a ministra da magia de tão perto, tinha sido uma situação muito engraçada.

Ver Kim grudado na parede coberto de chocolate, grudado por alcaçuz e chocolate fez Gabi ter um acesso de riso.

- Grande Dama!

Gabi estava recuperando o folego quando ouviu Sarah falar.

- Alguém pode ajudar aqui? - e atravessou o mar de caixinhas para alcançar o colega - Alguém viu a Gabi? Ela estava aqui agorinha! Gabi!! Gabi!!

Antes que pudesse responder a Ministra falou

- Tudo bem com você... Kim? - ela ouvira uma das garotas gritar seu nome. - e com você? - ela perguntou para a menina, que olhava para si mesma como se não acreditasse ter ficado livre de todo o chocolate. - O cheiro do chocolate não sumiu totalmente, mas é agradável, não é? E onde estão os responsáveis por essa loja?

Gabi saiu de trás da Ministra e falou com Sarah - Estou aqui! Eu tinha ido lá fora, acho que não me ouviu falar.
Ela se aproximou da amiga e sussurrou: - Tem certeza que foi você quem fez isso? Não sei, vi um garoto saindo da loja com cara de quem tá aprontando. Será que ele não confundiu seu feitiço?

Off: Posso falar aqui dentro que tava na porta da Loje? x_x
Ainda me confundo com isso.
Imagem
Avatar do usuário
Gabione
Descobrindo a Profecia
Descobrindo a Profecia
 
Mensagens: 2610
Registrado em: 22/12/06, 19:56
Cash on hand: 1,456.00
Localização: Procurando...
Sexo: Feminino
Estado: SP
Casa: Lufa-lufa

Re: Dedosdemel

Mensagempor Daniel Feather WP » 09/09/10, 01:45

- Eu também não provaria o chocolate do Rodrigues. Tem alguma coisa errada e essa cara dele não me diz que é uma coisa legal. - Sarah sussurrou no seu ouvido, repentinamente.

Daniel olhou para ela um tanto confuso, sem entender bem o que a amiga quisera dizer com aquilo. Até porque ele já quase havia dado uma mordida no chocolate... Mas, apesar disso, tinha que concordar que Rodrigues agia de um modo estranho, algumas vezes parecendo irritado, e outras como se nada tivesse acontecido. Daniel não disse nada, porém, ele apenas balançou a cabeça, concordando, e Sarah logo voltou a falar, dessa vez em voz alta:

- Ei, Daniel, não é a prateleira com feijõezinhos de todos os sabores? Vamos dar uma olhada?

A amiga logo se dirigiu até a prateleira, e Daniel a seguiu, mas sentindo-se levemente estranho, como se algo estivesse acontecendo ou por acontecer. Ele sorria quando Sarah se dirigia a ele, muito empolgada ao ver umas caixinhas de caldeirões de chocolate ou coisa do tipo. E não que ele não estivesse prestando atenção, mas estava se sentindo realmente incomodado com alguma coisa.

Daniel só "despertou" quando Sarah conjurou as caixinhas (bom, de uma forma um pouco desastrosa) e todas praticamente acabaram caindo e se espalhando por tudo, especialmente sobre a própria Sarah. Daniel imediatamente se aprontou para ajudar a amiga, que pedia socorro, soterrada pelas caixinhas, mas nisso sentiu o vento sussurrar em seus ouvidos. Era aquela voz, mais uma vez...

"Não confie em seus amigos. Não confie em seu irmão. Não confie em ninguém. Apenas em mim..."

Daniel arregalou os olhos e ficou estático, parado exatamente onde estava e quase sem mexer, e seu rosto começou a ficar pálido, cada vez mais. Ele percebeu quando Rodrigues ajudou Sarah e disse algo à garota, e também quando Kim, outro amigo de Sarah, tentou ajudar e acabou preso na parede; ainda, quando uma mulher se aproximou, limpou a bagunça e o chocolate que tinha se derramado em Sarah. Sentiu que estava sendo observado (uma garota havia parado perto deles, e agora conversava com Rodrigues). Mas continuou sem reação, como se todo o seu corpo estivesse congelado.

Ele começou a suar frio em alguns instantes. E então, pela primeira vez desde que começara a ouvir aquela voz, ele decidiu que deveria fazer algo. Não sabia se seria a coisa mais inteligente a fazer, mas acabou fazendo, mesmo assim. Perguntou, em pensamento, para o dono daquela voz, e por alguma razão ele estava certo que seria ouvido:

"Quem... é você?"

Em resposta ele ouviu apenas um som sibilante, que talvez parecesse mais com uma risada ou coisa assim. Sentiu como se aquilo estivesse passando e, então, uma pequena pontada na cabeça e uma leve tontura, que fez com que ele levasse a mão até a cabeça e cambaleasse de leve. Estava se sentindo estranho, totalmente estranho...


Off gente, vocês se empolgaram O_O :mrgreen:

só cheguei agora a pouco, mas to postando \o/

e você pode sim, Gabione, só não podia se já tivesse ido pra outro lugar, mas na porta, não tem problema ^^
Spoiler
Imagem

Contagem inversa:
1

*Ainda não acabou...*

Imagem
Yes, we're twins u.u


Imagem

Imagem
Avatar do usuário
Daniel Feather WP
Com a Pedra Filosofal
Com a Pedra Filosofal
 
Mensagens: 120
Registrado em: 20/06/08, 15:53
Cash on hand: 260.00
Sexo: Masculino
Estado: PR
Casa: Grifinória

Re: Dedosdemel

Mensagempor Kimdin » 09/09/10, 07:49

Sem saber o que fazer, kim ficou esperando alguem ajuda-lo, pois estava rindo demais para sair só dali, sua mão não alcansava a varinha que estava a 7cm longe de sua mão, não conseguindo saca-la, estava a falecer de tanto rir, quando se deu conta, viu que uma mulher estava limpando o chão, tudu bem que kim se achava um zé ninguem, mais ao ponto de alguem limpar o chão e não salva-lo ja era muito para a cabeça do pequeno lufano, foi quando ele viu a mulher mais detalhadamente e viu ela apontar a varinha para ele falando algum outro feitiço, kim saiu flutuando da parede grudenta de chiclete e alcaçuz até o chão perto da mulher, estava meio zonzo mais ainda vermelho de tanto rir, foi quando teve um surto de realismo, e seu pai ja falará dela para ele, era a ministra da magia.

- Tudo bem com você... Kim? - Perguntou a Ministra olhando para ele e se referindo aos donos da loja, logo kim ficou em pé, tentando se limpar, mais era uma tentativa falha, estava completamente tomado por açúcar cristalizado, mais ainda conseguirá ficar de pé sem se grudar em nada que o tocasse- Sim senhora, estou bem, muito obrigado-Exclamou o garoto dando um sorriso e indo ao encontro de Sarah

- Oh, Merlim!!! Kim, você está bem??- Disse Sarah enquanto kim estava indo ao seu encontro.- Agora eu estou bem, mais não graças a você né ? -Disse Kim em um tom rude, mais logo após deu uma risada e despenteou o cabelo roxado de Sarah, foi quando a Gabi saiu de trás da Ministra e falou com Sarah - Estou aqui! Eu tinha ido lá fora, acho que não me ouviu falar.Disse ela se aproximou da amiga e sussurrou: - Tem certeza que foi você quem fez isso? Não sei, vi um garoto saindo da loja com cara de quem tá aprontando. Será que ele não confundiu seu feitiço?-Kim se aproximou das duas e logo foi ouvindo o que Gaby falará- Eu não sei , mais eu acho que deveriamos dar mais atenção para com as pessoas que nos rodeam, acho que tem alguem por aqui que não podemos chamar de amigo.-susurrou kim para as duas amigas. Foi quando viu que o garoto que acabará de conhecer, o Daniel, estava cambaleando como quem fosse desmaiar

Daniel ! voce esta bem ?-Disse Kim indo ao encontro de Daniel, ele estava com as mãos na cabeça, meio zonzo.


Mas não faz sentindo falar com pessoas que têm um lar, elas não têm ideia de como é procurar segurança em outras pessoas, procurar um lar onde você possa descansar a cabeça.

Imagem

Toda noite eu costumava rezar para achar pessoas como eu - e finalmente achei - na estrada. Não tínhamos nada a perder, nada a ganhar, nada que desejássemos mais - exceto transformar nossas vidas em uma obra de arte.Viva rápido. Morra jovem. Seja selvagem. E se divirta.
Find more details and items in the profil of the user

Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Avatar do usuário
Kimdin
Descobrindo a Profecia
Descobrindo a Profecia
 
Mensagens: 2030
Registrado em: 22/06/07, 11:21
Cash on hand: 1,204.00
Localização: No mundo Surreal da BabyDoll *-*
Sexo: Masculino
Estado: SP
Casa: Lufa-lufa

Re: Dedosdemel

Mensagempor Sarah Burton » 09/09/10, 16:22

Sarah estava diante da Ministra da Magia, ainda embasbacada pela sua presença. Quem diria que aquela mulher iria aparecer em Hogsmeade, assim, do nada? Sua atenção foi atraída para Rodrigues, que se aproximou e sussurrou no seu ouvido.

"Espero que não esteje com raiva de mim, e espero que tenha gostado de eu ter sido seu herói"

Na mesma hora, Sarah sentiu seu rosto corar e olhou para o garoto com uma expressão espantada e sem graça, ao mesmo tempo. O garoto sussurrava ao seu ouvido e dizia coisas como se... não, não seria possível. Ela estava interpretando as coisas erradas, como sempre. Só podia... não podia? Ainda manteve o olhar no sonserino, com sua expressão curiosa e um tanto perdida, até que ele se aproximou de outra garota ao mesmo tempo em que Gabi surgiu atrás da Ministra.

- Estou aqui! Eu tinha ido lá fora, acho que não me ouviu falar.

Sarah suspirou aliviada.

- Pensei que você tinha sido engolida pela minha grande besteira.

Kim então falou com ela, quando perguntou se ele estava bem, depois que a Ministra o salvou.

- Agora eu estou bem, mais não graças a você né?

Aquelas palavras rudes, fizeram os olhos de Sarah se encherem de lágrimas teimosas. Quando Kim riu dela, mostrando que estava apenas brincando, ela fez uma cara feia e o garoto bagunçou seus cabelos.

- Páaaara - reclamou, desgostosa, meio chateada pelo garoto quase tê-la feito chorar.

Então Gabi retomou a conversa sobre o feitiço executado por Sarah.

- Tem certeza que foi você quem fez isso? Não sei, vi um garoto saindo da loja com cara de quem tá aprontando. Será que ele não confundiu seu feitiço?

- Garoto? Eu não vi... ah, Gabi, mas do jeito que eu tenho sorte para essas coisas, certamente a culpa foi minha mesmo.

*E por que as pessoas agora só ficam falando em sussurros?*

Olhou automaticamente para o sonserino e desviou o olhar, corada.

*Ele só estava tentando fazer gracinha, só isso. Relaxa*, pensou.

- Eu não sei , mais eu acho que deveriamos dar mais atenção para com as pessoas que nos rodeam, acho que tem alguem por aqui que não podemos chamar de amigo.

Sarah olhou para Kim e ao redor e teve de concordar. Quando seus olhos encontraram o garoto sonserino, se arrependeu do que pensava. Ele não tinha feito aquilo e ela o culpou, meio que automaticamente.

*Bom, talvez aquela sonserina... quando ela tinha entrado ali mesmo? Mas... e se eu estiver errada de novo?*

Seus pensamentos foram interrompidos pela voz de Kim.

Daniel ! voce esta bem?

Só então Sarah despertou, voltou a olhar para o Grifinório e foi ao encontro dele, seguindo Kim. Estava tão envolta em suas próprias confusões que nem tinha se ligado que Daniel estava meio calado. Na verdade, ela achou que poderia ser pela presença da primeira ministra ou, quem sabe, pela vergonha em não ter ajudado Sarah primeiro. E, por um momento ínfimo, Sarah até pensou que ele poderia estar pensando em bater no Rodrigues por ele tê-la salvado, mas aquilo não tinha um porquê.

- Oh, meu Deus! Daniel, vc está pálido - disse, apoiando o garoto de um lado, enquanto ele cambaleava de leve.

Sarah encostou a mão em sua testa, preocupada.

- E está suando frio. Está tudo bem? Alguma coisa te acertou? - perguntou, achando que podia ser culpa dela.

Olhava diretamente nos olhos do garoto, com uma expressão de sincera preocupação. Tinha também um pouco de culpa, achando que alguma caixinha tivesse atingido ele. Bom, tinha também um outro tipo de culpa. Há pouco ela se perguntava por que ele não tinha ido salvá-la como um bom amigo deveria fazer.

*Poxa, eu toda chateada e ele estava ali, passando mal. E eu nem vi. Que tipo de pessoa eu sou que nem presto atenção ao que está acontecendo com meus amigos? Ele tem toda a desculpa do mundo para não ter me ajudado. E por que eu queria tanto isso também? Bom... vai ver que eu não queria que o Rodrigues fosse meu heroi* sentiu o rosto corar com o pensamento *Queria que meu amigo fosse meu heroi. Isso faz do Rodrigues um amigo? Como o Daniel? Bom, talvez não como o Daniel... ou o Kim* completou o pensamento rapidinho *Ou as meninas... Por que as coisas são tão complicadas assim?*

- Você quer que eu faça alguma coisa pra ajudar? - perguntou, por fim, ao garoto.

Off: nossa, como a dedos de mel está movimentada :mrgreen:
E agora eu só faço posts grandes ^_^
Gabi, vc pode postar assim desse jeito msm :D
RPG: narração - fala - pensamento - outros - off


ImagemImagemImagemImagem
Imagem
█ ▌▐▌█▌▌▐▐▌▌███▐
status para ser diva : Autorizado.
Avatar do usuário
Sarah Burton
Com a Pedra Filosofal
Com a Pedra Filosofal
 
Mensagens: 98
Registrado em: 01/05/10, 17:36
Cash on hand: 455.00
Sexo: Feminino
Estado: SP
Casa: Lufa-lufa

Re: Dedosdemel

Mensagempor Severus A. » 09/09/10, 17:28

Rodrigues já estava fora de sintonia com o que acontecia na loja. Reparou o olhar e o corar de Sarah, o afastamento da tal senhorita Angelina e seu comentário sobre matar e o quase chorar de Sarah e por fim o mal estar de Daniel, porém não se preucupava com nada só queria sair dali ,daquele lugar, não tinha um motivo certo,só queria sair. Seus planos estavam em andamento, mas será que só isso era necessário qualquer azar, ou sorte do inimigo, destruiria seu plano. Que nem era um plano a là Voldemort só queria saber o mistério por trás daquele sobrenome de Daniel que tanto o artomentara quando lera aquela carta de seu pai e voltara atormentá-lo.Queria sair dali, iria ao três vassouras daria um tempo pelo menos, se mostraria preucupado com Daniel e depois sairia.Foi até o local em que já se encontrava Sarah vendo sua temperatura e perguntou :

-Daniel, está melhor ? quer alguma coisa ?
Kurt/Blaine
Find more details and items in the profil of the user

Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Avatar do usuário
Severus A.
Conjurando o Patrono
Conjurando o Patrono
 
Mensagens: 772
Registrado em: 21/06/10, 19:43
Cash on hand: 2,435.00
Localização: Em nárnia, espalhando a noticia sobre a primeira piada e a história de criação de Nárnia uú
Sexo: Masculino
Estado: RJ
Casa: Corvinal

Re: Dedosdemel

Mensagempor Perséfone » 11/09/10, 17:29

    A Dedosdemel era diferente das lojas de doces que, por uma ou duas desobediências, uma ou duas (talvez bem mais de três) tentativas hilárias de bronca de sua mãe, Lenna havia visitado em suas quinze primaveras.

    Lembrava-se de cada pequeno detalhe da felicidade que sentira quando Knox “as seqüestrou” e as levou a vila que nunca haviam visitado até aquele dia, apesar de ela estar a apenas a poucos risos escondidos dentro de uma carruagem “roubada” por um professor, um pai.

    Naquele dia, Lenna descobriu que preferia de chocolate branco ao preto. Descobriu que era divertido sair escondida de casa e voltar suja de chocolate pela porta da passagem secreta que abriram sem que seus pais soubessem. E que era melhor ainda reviver essas lembranças dias depois comendo chocolate com Sigrid em seu quarto na silenciosa mansão.

    Lenna sentiu-se bem dentro da loja. Mas não por muito tempo, pois logo começaram a chegar pessoas demais – ela preferia o calor do chocolate sendo feito da cozinha da loja que chegava até elas ao calor de respirações se confundindo num mar de gente.

    Lenna gostava do calor do segredo que guardava.

    Cumprimentou cada um aos quais Sarah lhes apresentou com um “olá” polido e um educado aceno de cabeça. Encontrou o Sr. Whistilla novamente e, ainda bem, já que não queria atrapalhar o que quer que estivesse acontecendo entre Sarah e Daniel.

    Surpresa, aceitou com um sorriso gentil a barra de chocolate que ele lhe estendeu, mas fez uma anotação mental para não comê-la antes que tivesse certeza que não havia nada perigoso. Só confiava plenamente em duas pessoas na sua vida – uma delas estava ao seu lado e a outra estava na Noruega. As lembranças que uma barra parecida de chocolate lhe trouxe de Knox foram impossíveis de frear – a primeira barra de chocolates que ganhou fora dele.

    Havia sido a tanto tempo que ela havia esquecido o quão bom era ganhar um presente verdadeiro de alguém além de Sigrid.

    Sigrid lhe mostrou – um tanto exageradamente - uma parte da prateleira onde via-se algumas gaiolas. Indicava uma que tinha um dragão e outra onde havia um tigre, ambos de chocolate, e que se moviam como se estivessem vivos.

    Sorriu. Compraria para ela depois, ela havia gostado.

    A conversa estava se tornando ainda mais animada entre grupo de pessoas no qual – supostamente – as gêmeas estavam inseridas. Não se pronunciou em nenhum momento, não tinha nenhuma espécie de conhecimento ou afinidade com o assunto sobre o qual tratavam. E eles falavam com tanta rapidez que ela quase não conseguia acompanhar.

    Só ficou ali. Olhando a loja e admirando tudo. Em silêncio.

    Suas atenções foram interrompidas pelo que parecia ser uma Sarah Burton imersa em caixas de chocolate. Foi meio idiota ela ter pronunciado o feitiço para todas as caixinhas. Na verdade, ela parecia ser uma força catastrófica da natureza andando por aí sobre duas pernas. Um desastre ambulante. Imaginou que ela precisava apenas de um pouquinho de atenção no que falava e fazia.

    Rodrigues se dirigiu até lá e a ajudou a levantar – praticamente, emergir. Ele sussurrou algo que Lenna não teve nenhum interesse em saber o que era, mas achou pouco educado, visto que estavam em um grupo.

    Uma mulher que parecia ser gentil ajudou Kim – seria esse o nome? – e Sarah a ficarem limpos novamente, e Rodrigues dirigiu-se a uma outra garota, que acabara de entrar.

    Lenna se mantinha bem com Sigrid ao seu lado observando as prateleiras.

    Nunca haviam visto comida que se mexia. Era interessante.

    Quando sua visão passou por um prateleira próxima de onde as pessoas estavam, já tinha gente próxima demais a Daniel.

    “Esse garoto precisa de um médico. Vive passando mal.”

    Imaginou a possibilidade de procurar um médico confiável que pudesse vir até Daniel, mas descartou a possibilidade no ato.

    Levou Sigrid consigo até a prateleira do dragão-chocolate e do tigre-chocolate dentro da gaiola. Pegou dois de cada, sorrindo o tempo todo ou ver a animação da irmã. Pegou mais alguns doces pelo caminho.

    Dirigiu-se ao caixa e teve algum problema com as moedas de ouro – galeões?. Depositou uma dúzia delas em cima da mesa e disse a quem lhe atendia que poderia ficar com o troco. Ainda não sabia bem como funcionava o sistema monetário dali.

    Pensou por um momento se deveria pronunciar a saída das duas, estavam todos tão imersos no mal estar de Daniel.

    “Talvez o melhor seja sair sem falar com ninguém.”

    Seria, certamente. Mas sua educação não lhe permitiu faze-lo e dirigiu-se ao grupo.

    - Olá. Nós, Sigrid e eu, compramos o que queríamos. – elevou o saquinho com as suas compras para que todos pudessem ver. – Nós queremos conhecer o restante do povoado, então estamos saindo. – sorriu com educação. – Só esperamos que Sarah não seja soterrada por chocolate novamente. E que Daniel melhore. Nos encontramos por aí. Até logo.

    Fez uma reverência educada, segurou a mão da irmã e se dirigiu a porta.


    ___________________________________________________________________________________________
    Offinho: gente, como vocês falam U_U Quase não consigo ler tudo O_O

Editado pela última vez por Perséfone em 11/09/10, 19:32, em um total de 2 vezes.
●˚◦ Chefe das Casas ◦˚●
Dúvidas, reclamações, chocolate, Beatles, MP-me
.


THIS IS WESTEROS
Imagem.Imagem.Imagem.Imagem.Imagem
Find more details and items in the profil of the user

Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Avatar do usuário
Perséfone
Chefe das Casas
Chefe das Casas
 
Mensagens: 1806
Registrado em: 13/02/10, 12:43
Cash on hand: 1,848.00
Localização: in the Iron Throne
Sexo: Feminino
Estado: RN
Casa: Sonserina

Re: Dedosdemel

Mensagempor Storyteller » 11/09/10, 17:47

Não tão rápido, meus caros. Eu, que sou vossa caixa de surpresa, trago-vos mais uma daquelas que estraga planos e altera os fatos. Ei-los:


Aquele que se ri
Não se atentara ao aviso .
Eis o choque da realidade:
A verdade cessará o riso.

Não deixes de duvidar do mundo
E daqueles que o habitam
Se o poder é necessidade
Não duvides, pode haver crueldade.

Praga, maldição ou azaração,
Ninguém saberia dizer.
Mas elas sempre estavam juntas
Quem seria incapaz de o óbvio prever?

Decerto a vida é um labirinto.
São seus desígnios insondáveis.
Mas mesmo aquelas que entram juntas
Não são assim tão inseparáveis...

Aquele que tem medo de escuro
Não se pode corrigir
Pois gosta de estar seguro
E assim todos deveriam agir.

Era um plano de muitos passos
E o primeiro foi dado.
Porventura ninguém percebeu
O dono do pó que originou aquele breu

Não tinha lá muita originalidade
Mas havia metódica precisão
E, com eficiência e celeridade,
Alguém perdeu seu pedaço irmão.

Dos gritos, o desespero.
Do caos, o medo.
Do outro lado, preparo.
Do sequestrado, um segredo...

Eis o que me pedem
Dos deuses foram dadas as anuências
Agora não há mais volta.
Arquem com as consequências.



Quem será? Aguarde e saberás.
Avatar do usuário
Storyteller
[Professor-RPG]
[Professor-RPG]
 
Mensagens: 292
Registrado em: 28/05/08, 00:57
Cash on hand: 0.00
Sexo: Masculino
Estado: EUA

Re: Dedosdemel

Mensagempor danona23 » 11/09/10, 17:58

Em um dos momentos que estava ali, repentinamente todas as caixas do lugar começaram a voar. Mais do que isso, começaram a empurrar vários outros objetos e, num ato reflexo, soltara a mão de Lenna para amparar a queda da gaiolinha do dragãozinho que fora tão empurrada que despencara da prateleira.

Quem era o desastre ambulante para fazer aquela baderna? Em poucos minutos, havia um enorme amontoado de caixas e pessoas a alguns passos dali. Isso chamara a atenção – nada feliz - de Sigrid apenas por alguns momentos, quando voltara-se para o dragãozinho da qual parecia ter se apaixonado a primeira vista.

Como a confusão aglomerara todas as pessoas espalhadas pelo aposento, não temera perder-se de Lenna naquele instante. Assim que tudo começou a voltar ao normal, novamente grudou-se a ela e começaram a se aventurar mais pelo lugar e fazer as compras.

Lenna parecia ler seus pensamentos, quando comprou os bichinhos de chocolate que tanto queria. Não deixara embrulhar o dragãozinho. Logo, já se despediam para fazer uma exploração pela região e sair daquele amontoado de gente irritante que não parava de empurrar.

Quando aproximavam-se da porta, ainda mantinham-se de mãos dadas. Sua outra mão estava ocupada carregando os pacotes, quando a luz novamente havia acabado repentinamente. Novamente, levada pelo instinto de auto-defesa, levou a mão que estava livre – precisando faze-la deixar de segurar a de Lenna – para ir de encontro a sua varinha.

O que estava acontecendo? Magia seria tão instável quanto luz elétrica? Parecia que em todo lugar esta acabava-se de uma hora para outra. Talvez aquilo fosse normal e por isso não compreendeu o porque das pessoas produzirem tanto alarido. Se já fosse tão comum, naturalmente que voltaria dali alguns instantes, então nem precisava se preocupar em pegar a varinha, como estava prestes a fazer. Da outra vez nem um mero feitiço Lumus dera tempo.

Quando pensou em voltar a pegar a mão de Lenna, na escuridão mesmo, aconteceu algo que não havia acontecido da outra vez.

Não tivera nem mesmo tempo de perceber que aquele julgamento havia sido um erro. Só percebeu, como se alguém a empurrasse levemente para a frente, na altura do peito em suas costas e, como se tivesse deixado algum estranho objeto sobre ela, este começara a se alastrar por todo o seu corpo, fazendo-a perder os sentidos em milésimos de instantes.

Obviamente que ninguém ouvira qualquer objeto a cair, pois as conversas na escuridão abafaram a queda da gaiola do dragão de chocolate que carregava na mão e também sua barrinha de chocolate entregue por Rodrigues, assim como o resto das compras. Esta era a única prova de que ela não havia simplesmente saído andando...


OFF: \o\ /o/ \o\ /o/ AEEEE FUI A SORTEADA!!! \o\ /o/ /NãoPerguntePorqueFicarFelizAoSerSequestrada
Imagem

*~ "Desde tempos antigos, o dragão era a única besta que poderia se igualar com um tigre.

Agora eu me tornarei um dragão, para ficar ao seu lado." - Trecho retirado do anime Toradora. ~*

Propriedade e proprietária exclusiva de Perséfone Black.
Princesa Slytherin e a bebê piromaníaca da Aeres.
[/center]
Avatar do usuário
danona23
Conhecendo A Toca
Conhecendo A Toca
 
Mensagens: 308
Registrado em: 02/03/10, 15:32
Cash on hand: 2,775.00
Localização: Postando idiotice na Corvinal \o/
Sexo: Feminino
Estado: SP
Casa: Corvinal

Re: Dedosdemel

Mensagempor Perséfone » 11/09/10, 19:25

    Estava quase alcançando a porta quando as luzes novamente se findaram.
    Estava tão absorta em suas lembranças que não percebeu a escuridão que caía até que estivesse envolta em seu abraço frio e gelado.

    Sentiu a mão de Sigrid escapar da sua, mas nem se preocupou. Já haviam passado por um breu daqueles – parecia comum na Inglaterra que a magia dos lugares fosse mais instável que a luz de velas próxima a uma janela parcialmente aberta.

    Instintivamente, sua mão encontrou sua varinha antes que pudesse sequer pensar no ato. Com a varinha em mãos, esperou até que a luz se instaurasse novamente na loja de doces.

    Um... Dois... Três... .... ... Sete...

    Tentou em vão procurar por Sigrid com os olhos, mas, obviamente, foi completamente inútil. Buscou pela mão dela. Não encontrou.

    Lembrou-se, para acalmar sua mente, que sua irmã pegara a sacola das compras com o seu dragão de chocolate e, com a mão livre, fazia o mesmo que ela estava fazendo agora – segurando a varinha.

    ... Oito... Nove... Dez...

    Tentou se acalmar quando a luz voltou. Respirou fundo de olhos fechados e guardou a varinha, antes de tudo. Voltou-se para Sigrid...

    ...

    Não havia nenhuma Sigrid.

    (vazio)

    Tentou se acalmar, mas era difícil. Conhecia apenas Sigrid, era sua sombra desde o momento em que sua memória se perdia no passado e ainda antes disso.

    Respirou fundo três vezes.

    Varreu a loja com os olhos para encontrar apenas a barra de chocolates e o saquinho com as compras que fizeram. Estava tudo jogado de qualquer jeito no chão.

    Ela não saíra andando calmamente, ah, isso não. Não depois de toda a animação para comprar aquele doce estranho que se mexia e tinha forma de dragão.

    Deixou aquilo para trás e, tentando ficar calma e não obtendo êxito algum, saiu procurando em cada lugar daquela loja.

    Se ela estivesse ai, Lenna tinha achado.

    Procurou por cada prateleira, cada estante, cada pequeno pedaço daquela loja... antes que finalmente as lágrimas invadissem seus olhos e o desespero tomasse seu lugar na mente dela.

    Apoiou-se em uma das paredes e, sem perceber, foi escorregando lentamente até o chão. Só percebeu isso quando seu corpo atingiu o piso frio da loja.

    As lágrimas ainda escorriam, mas Lenna permanecia em silêncio.

    Ela desejou, por um momento, que a luz não tivesse voltado.

    E prometeu que encontraria Sigrid. De qualquer jeito.

    ______________________________________________________________________

    Off: valeu, Storyteller, por me tirar a minha gêmea U_U
    Ignorem o fato de que eu gostei disso *_____*
●˚◦ Chefe das Casas ◦˚●
Dúvidas, reclamações, chocolate, Beatles, MP-me
.


THIS IS WESTEROS
Imagem.Imagem.Imagem.Imagem.Imagem
Find more details and items in the profil of the user

Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Avatar do usuário
Perséfone
Chefe das Casas
Chefe das Casas
 
Mensagens: 1806
Registrado em: 13/02/10, 12:43
Cash on hand: 1,848.00
Localização: in the Iron Throne
Sexo: Feminino
Estado: RN
Casa: Sonserina

Re: Dedosdemel

Mensagempor Severus A. » 11/09/10, 19:41

Rodrigues só saiu de seus devaneios quando a luz apagra novamente ouviu o eco de algo caindo no chão e depois de um curto tempo as luzes voltaram observou o desespero de uma das gemeas que procurava sua irmã por fimm tomada pelo desespero começa um choro e se deixa ir parao chão de piso frio. Não sabia o que fazer.

-Tudo cada vez mais estranho, um sequestro agora ! Lenna está bem ? - não sabia o que faalar vendo tal desespero da amiga (?) , da conhecida. Nem ele mesmo sabia o que fazer se fosse com eele !
Kurt/Blaine
Find more details and items in the profil of the user

Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Avatar do usuário
Severus A.
Conjurando o Patrono
Conjurando o Patrono
 
Mensagens: 772
Registrado em: 21/06/10, 19:43
Cash on hand: 2,435.00
Localização: Em nárnia, espalhando a noticia sobre a primeira piada e a história de criação de Nárnia uú
Sexo: Masculino
Estado: RJ
Casa: Corvinal

Re: Dedosdemel

Mensagempor L-sama » 11/09/10, 20:20

L voltava para a cena do crime, a reunião misteriosa com alguns colegas findada. Ele estava quase entrando ali quando a escuridão tomou tudo.

"Pela primeira vez desde que cheguei aqui, estou realmente confuso. Poderia ser..."

Sua mente sentiu um bando de lembranças e ele não mais sentia o mundo à sua volta. Era de volta aos antigos tempos, antes que ele tivesse ciência de toda sua potencialidade e loucura. Fillen; que na época era apenas um almirante, sem a perspectiva de que o futuro mudaria tanto...

-Todos ignoram aquele outro lado, meu amiguinho, mas ele é importante. Afinal, não sei se ouviu falar, mas há um bom tempo atrás, uma catástrofe aconteceu aqui... a inversão dos tempos.

-A inversão dos tempos... - o jovem L começou, se lembrando -Sim, o grandioso problema... A Lua passou a tomar o dia e o Sol se colocou na noite... as estações deixaram de existir por algum tempo, para depois voltarem totalmente bagunçadas... ou pelo menos, é o que as lendas dizem.

-Sim... O que todos ignoram é que naquele lado, na mesma época... aconteceu uma enorme cicatriz... uma grande guerra, envolvendo várias nações; não, talvez quase todo aquele lado... um grande distúrbio.

-Estão ligados. Eles sempre estão ligados. E é isso que eu devo fazer. Não posso pensar dentro da caixa. Tenho que pensar por fora dela... eu preciso.

CRAQUE!

Ele se via na Torre. Aquela Torre que tantas vezes envolvera problemas diferentes.

-Vá. - Fillen disse. Agora, ele tinha se tornado um General, mas o ato dele de salvar o jovem L seria uma clara traição.

-Não. Não posso deixar que arrisque tudo apenas por mim.

-Não tem escolha. Sua vida vale bem mais do que a minha. - ele disse, antes de empurrar L e fazê-lo cair em um complexo círculo que brilhou cada vez mais e...


CRAQUE!

Ele estava de volta. Seus olhos recuperaram o foco e o toque familiar de pura escuridão o deixara. Ele então percebeu que estranhamente, estava caído no chão, mas não sabia se tinha sido empurrado ou se ele perdera o equilíbrio durante aquelas lembranças. Ele olhou para os lados e percebeu que via uma das garotas Lavransdatter caída no chão também, com lágrimas escorrendo no rosto dela. Ele andou até ela, ao mesmo tempo que uma voz falou na sua cabeça, percebendo o que ele queria fazer:

"Isso não está nos planos, L."
"Dane-se. Não serei sistemático. Nunca fui e por isso, pude ser tão engenhoso."

Ele então tirou um pequeno lenço de um de seus bolsos e o entregou para Lenna. Seus olhos se desfocaram de novo por um instante, o lembrando da terrível guerra pela qual ele passara. Ele olhou para ela gentilmente, antes de falar do modo mais bondoso possível.

-Não tenho palavras para confortá-la, Srta. Lavransdatter... mas estou disposto a oferecer minha ajuda a você enquanto eu puder.

L parou de falar, se lembrando de algo. Ele tirou seu relógio de bolso e o abriu, apenas para ver que o ponteiro se movia de modo aparentemente louco pela tela, avançando e recuando estranhamente.

-O que será que está acontecendo do lado daí, irmão? - ele falou para si mesmo, triste. As coisas estavam mais confusas do que nunca.
Legenda:
Falas
Falas de outros personagens
Pensamentos

Imagem
Avatar do usuário
L-sama
Descobrindo a Câmara Secreta
Descobrindo a Câmara Secreta
 
Mensagens: 423
Registrado em: 18/07/07, 02:04
Cash on hand: 0.00
Localização: Londres...
Sexo: Masculino
Estado: MG
Casa: Corvinal

Re: Dedosdemel

Mensagempor Kimdin » 11/09/10, 20:35

Kim estava coma atenção para Daniel que no momento estava passando mau, quando uma das meninas que Sarah apresentará chegou perto de nós falando

- Olá. Nós, Sigrid e eu, compramos o que queríamos. – elevou o saquinho com as suas compras para que todos pudessem ver. – Nós queremos conhecer o restante do povoado, então estamos saindo. – sorriu com educação. – Só esperamos que Sarah não seja soterrada por chocolate novamente. E que Daniel melhore. Nos encontramos por aí. Até logo.

Kim assentiu com a cabeça e deu um sorriso, logo acompanhou com o olhar as duas irmãs indo ao encontro da saida, foi quando sentiu suor frio em sua pele, seu olho começará a se dilatar... Kim iria ter uma pre-premonição, foi quando as luzes do lugar se apagaram, um vulto corria pelo salão com chão gélido, e em uma fração de segundos uma das meninas tinha sumido.Kim não saberá o que fazer, estava perplexo, vendo aquela cena de uma das irmãs, caindo devagar no chão, com o olho cheio de lagrimas. Kim não conseguiu ficar calado, assim que se deu conta, estava em pé.

- Mais uma pessoa está sumida, na nossa cara, no meio de todos, na frente da mulher mais poderosa daqui , e o que ela fez ? -Kim olhou com olhos brandos para a mulher-Nada, e nem vai fazer, temos que tomar nossas proprias decisões por aqui Kim foi ao encontro da garota que estava no chão frio, não estava nenhum pouco contente.

-Não perguntarei se voce esta bem, por que tenho medo da resposta, mais, o que eu puder fazer pra te ajudar, pode contar comigo.-Disse Kim para a garota que no momento estava paralizada, viu L sama a confortando também, mais kim nunca soube quem ele é....


Mas não faz sentindo falar com pessoas que têm um lar, elas não têm ideia de como é procurar segurança em outras pessoas, procurar um lar onde você possa descansar a cabeça.

Imagem

Toda noite eu costumava rezar para achar pessoas como eu - e finalmente achei - na estrada. Não tínhamos nada a perder, nada a ganhar, nada que desejássemos mais - exceto transformar nossas vidas em uma obra de arte.Viva rápido. Morra jovem. Seja selvagem. E se divirta.
Find more details and items in the profil of the user

Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Click the icon to see the image in fullscreen mode  
1 pcs.
Avatar do usuário
Kimdin
Descobrindo a Profecia
Descobrindo a Profecia
 
Mensagens: 2030
Registrado em: 22/06/07, 11:21
Cash on hand: 1,204.00
Localização: No mundo Surreal da BabyDoll *-*
Sexo: Masculino
Estado: SP
Casa: Lufa-lufa

Re: Dedosdemel

Mensagempor Regina McGonagall » 11/09/10, 23:19

A Ministra estava perplexa.
estava ficando velha... perdendo seus reflexos, e, pior, desatendendo aos seus instintos.

A atendente da loja, ao ser apontada pela aluna, saíra toda envergonhada de seu econderijo atrás do balcão e começou uma infindável série de mesusras e desculpas lacrimosas que não só enervou a Minsitra como também - e pior - desviou sua atenção dos alunos... por poucos mas cruciantes segundos.

Ela sentira uma presença incomum, mas não fora rápida o bastante para determinar sua causa, e uma escuridão tomou conta da loja e de suas imediações, pois haviam murmúrios de espanto e medo vindos também de fora.

Conseguiu pelo menos concentrar-se o suficiente para um feitiço não verbal - imaginou que qualquer cosia dita em voz alta assustaria mais ainda as crianças - e logo a escuridãos e dissipou... para revelar algo assustador: uma menina desaparecera, fora sequestrada, e bem debaixo do seu nariz.

A Ministra não descansaria até descobrir. No momento, porém, tinha que fazer algo mais concreto.
Além do garoto que estivera a ponto de desmaiar antes do súbito apagão, havbia a garota que, pelo que viu, era irmã gêmea da desaparecida. Eles eram sua prioridade. A investigação ficaria para depois... assim como uma explciação dos professores de Hogwarts de porque alunos do 1º ano estavam ali sem assistência.

Ela sentira sobre si o olhar do garoto da parede, antes de ir ajudar a irmã da menina desaparecida, percebera claramente seus pensamentos, e só podia dar-lhe razão. Nunca sentira-se tão impotente, ela que era considerada tão poderosa... Lembrou-se do querido Professor Dumbledore e de suas derradeiras lições, e respirou fundo:

- Não errarei mais. Não deixarei novamente que orgulho, presunção ou medo me impeçam de agir.

E, aproximando-se também dos jovens, perguntou à menina:
- Você está bem? - e sem rodeios, explicou - Precisarei ver o que você viu ou percebeu. Não vai doer nada, acredite. Posso?

E esperou que a menina assimilasse o que ela dissera, antes de usar legilimência para "ver" o que acontecera.
===

off: gente postando rapidinho pra não perder o rumo dos acontecimentos.
estive fora esses dias por questões familiares (falecimento de minha tia) e só cheguei hoje de viagem.
estou meio devagar ainda (cansadérrima!)
ah... aconteceu comigo o mesmo que com o post do Rodrigues, vou ver com nosso staff o que tá acontecendo com nossos posts nº20 (os que viram a página).
Regina McGonagall
Ministra da Magia


Imagem
***
Clique aqui para me mandar uma coruja

RPG
Narração
Fala
Pensamento
Outros personagens


Imagem
Avatar do usuário
Regina McGonagall
Ministra da Magia
Ministra da Magia
 
Mensagens: 1025
Registrado em: 05/01/05, 15:56
Cash on hand: 9,786.00
Localização: Ministério da Magia, claro!
Sexo: Feminino
Estado: MG

AnteriorPróximo

Voltar para Arquivo de RPs

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 1 visitante

cron